[ editar artigo]

A tenda vermelha

A tenda vermelha

É um filme que indico para todas as mulheres e homens.

É a história das mulheres de Jacó, esse mesmo; o Jacó do antigo testamento; o pai de José do Egito...

História contada por sua única filha Dinah.

Nessa tenda vermelha viviam todas as esposas de Jacó: Lia, Raquel, Zilpah e Bilah que cuidam de Dinah com muito amor.

Num tempo, onde aos homens cabia a responsabilidade de aprender com seus pais o valor do trabalho braçal e de sentimentos como honra e respeito; as garotas aprendiam com as mulheres da família a serem as guardiãs dos segredos e dos acontecimentos marcantes da história do clã.

 “A Tenda Vermelha” é um lugar em que as mulheres se reuniam toda lua minguante durante o período menstrual (não visto com conotação negativa e sim como uma renovação), para celebrarem a sua maturidade e a capacidade de fertilidade. Um momento de repouso, cumplicidade, de se falar sobre a sexualidade, canto e dança. Uma forma abordar o sagrado feminino, o amor, a amizade e cuidado entre as mulheres da antiguidade em momentos tão marcantes como a menarca, o parto, o nascimento e as perdas, todas apoiando umas as outras.

"Quem quiser compreender qualquer mulher terá primeiro de perguntar como era a mãe e ouvir com atenção [...] Quanto mais uma filha sabe acerca da vida da mãe (sem vacilações nem recriminações), mais forte se torna."

Esse é um filme para quem quer conhecer o outro olhar das histórias bíblicas e antigas, onde as mulheres não eram citadas ou lembradas.

Indico esse filme para todas que querem se reconhecer, reconectar com o seu feminino; pois as mulheres que eram fortes, sensíveis e que estavam atentas a natureza e a sua natureza, foram "queimadas".

Um filme de conexão e cura com o sagrado feminino. Constelador!

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você