[ editar artigo]

AH! QUE BOM QUE EU SEI!

AH! QUE BOM QUE EU SEI!

Curso: Formação Real em Constelações Sistêmicas

Título: Ah! Que bom que eu sei

Autor: Brigitte Gross e Jakob Schneider

  • Qual a mensagem global que o autor deixou para você?

Os contos de fadas, filmes, histórias favoritas apontam de forma mascarada para sofrimentos, dores e destinos trágicos dentro do sistema familiar. Por este motivo a compreensão destas dinâmicas auxiliam o terapeuta e o cliente a encontrar a solução para o problema de forma mais ampla, compreendendo a vida além do aparente.  

  • A partir do que você leu, enumere 10 dicas para você criar excelência para sua vida.
  1. As histórias, filmes e contos de fadas nos permite reconhecer a semelhança destas histórias com a nossa identidade;
  2. Quanto mais tempo uma verdade é ocultada dentro do sistema familiar, mais difícil se torna de encontra-la, de compreendê-la de esclarecer os fatos;
  3.  A alma não se deixa enganar, ela implora por uma olhar, por uma solução. Por este motivo os efeitos são levados em longo prazo, geração em geração;
  4. A lei do pertencimento atua de maneira tão forte sobre os indivíduos, que muitas pessoas – inconscientemente - não desejam a real solução, pois é uma forma de não se sentirem pertencentes ao sistema familiar. Como diriam os autores: “O caminho da felicidade nos conduz a um novo e desconhecido território, mas a infelicidade nós já conhecemos. Nela sentimo-nos seguros, mesmo quando sofremos.”;
  5. Devemos encontrar palavras de amor, de empatia e de força sobre que percebemos no cliente e naquilo que ele diz;
  6. A beleza dos contos de fadas oculta muitas dores, sofrimentos e destinos de uma família. É uma forma de "romantizar" a dor;
  7. Quando alguém descobre o motivo pelo qual aquele conto chamou tanta atenção, ocorrem inúmeros insights do sistema familiar;
  8. Cada dia que passa me encanta compreender que as forças da vida atuam além do aparente o tempo todo;
  9. Este livro ratifica o tanto que as leis do amor estão inseridas em nossas vidas e no nosso destino;
  10.  Se um vinculo de amor consegue ser dissolvido através do amor que vê, a liberdade e a cura chegam.
  • Considerando a realidade onde vive, o que você aplicou, imediatamente, assim que leu?

Psicoterapia sistêmica significa, em primeiro lugar, que não levamos em consideração a dinâmica individual e intrapsíquica de um cliente, mas sim o vínculo recíproco de um indivíduo com um sistema de relacionamentos, na maioria das vezes com sua família e seu clã.

  • O que você transformou em si mesmo com a leitura deste livro?

Este livro permitiu que eu pudesse ampliar a minha visão sistêmica, dos destinos e da alma familiar. O universo nos informa o tempo todo e em todos os lugares. Inclusive nas coisas pequenas da vida, como uma história favorita.

Esta leitura possibilitou acrescentar mais uma ferramenta para auxiliar no atendimento com os clientes.

  • Quais as mudanças que você se compromete em tornar reais a partir desta leitura?

Ter uma visão mais sistêmica e um olhar voltado para além do aparente em relação aos filmes, séries e histórias que eu consumir

  • Se você encontrasse o autor do livro, o que você diria a ele?

Ah! Que bom que eu sei, pois essa foi uma linda ferramenta desenvolvida que auxiliar diversas áreas do conhecimento e a leitura do livro é muito enriquecedora.

Gratidão!

  • Enumere 3 pessoas para as quais você sugeriria este livro e justifique.

A Isolene, Elisa e Josiane. Para que possamos ampliar nosso leque de conhecimentos sistêmicos.

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você