[ editar artigo]

Ansiedade

Ansiedade

Ansiedade ensina a lidar com o tempo. Para quem é ansioso ou ansiosa, essa talvez seja a maior lição da vida. O senso comum diz que depressão é excesso de passado e ansiedade é de futuro. Equilíbrio é estar no presente. É o bom senso. Mas o que fazer quando nos sentimos deprimidos (presos no passado) e ansiosos (desejosos pelo futuro)? 

Ficar no presente. Estará atento ao aqui e agora. Que é o melhor lugar do mundo, segundo Gilberto Gil. Outros dizem que o presente tem esse nome por realmente ser um presente. Uma dádiva. E quando o presente é de dor, sofrimento, doença ou a morte? Ou a falta de dinheiro, frustrações no serviço ou nos relacionamentos?

Tudo isso são presentes da vida sim. Difícil entender, dificílimo aceitar que a parte ruim existe para que possamos aproveitar a parte boa. 

Quando a dor passa e vem o alívio, muitas vezes ficamos  presos a lembrança da dor. Como uma coceira de uma picada de inseto. Se passamos um remédio que funciona, continuamos coçando mesmo depois que a irritação passa. 

Para diminuir a ansiedade, uma das melhores ferramentas é a respiração e lembrar que aquilo vai passar. Quando estava no finalzinho da minha gravidez e reclamava dos desconfortos, minha tia me disse uma coisa tão óbvia que por ser de uma obviedade enorme, eu não estava conseguindo vislumbrar. Que eu não ia ficar grávida pra sempre! Depois ouvi de outra grávida que a gestação dura 8 meses e uma eternidade. Hoje olho meu filho de 4 anos e vejo como tudo passou tão rápido! O tempo é muito relativo...

O autor dessa teoria, Einstein, a explicou assim: uma hora com uma mulher bonita passa muito mais rápido que um minuto sentado em cima de um fogão quente.

Ansiedade é parecer estar no calor do forno o tempo todo. Mas esse calor passa. Todo furacão se enfraquece. Todo fogo se extingue. Toda dor termina. Todo problema acaba. 

Sou fã dos ditados porque eles transmitem uma sabedoria ancestral. Minha mãe aprendeu com a mãe dela, que aprendeu com a mãe dela, que aprendeu com a mãe dela e assim sucessivamente. Tem um que diz "não há mal que sempre dure, nem bem que nunca acabe". 

Saber Sistêmico
Ler matéria completa
Indicados para você