Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
loading
Constelações SistêmicasVOLTAR

APRENDIZAGENS DO SEGUNDO MÓDULO

APRENDIZAGENS DO SEGUNDO MÓDULO
Lisandra de Lima Lemes
jul. 17 - 3 min de leitura
010

 

O segundo módulo foi de grande aprendizagem, pois tive meus primeiros passos em relação a minha cura através da constelação sistêmica.

Pensar no passado, é um exercício de cura, pois meu exercício levou até minha infância. Mas antes de falarmos nessa dor, vamos ao aprendizado do segundo módulo.

Uma das frases citadas pela mestra Olinda Guedes foi “o rigor é companheiro do êxito”, busco sempre a ação para obter sucesso nas várias áreas da vida.

Em alguns momentos de nossa jornada nos damos conta que existem emaranhados, situações que não tem relação com o momento vivido e que interferem diretamente no presente.

Irei citar um dos meus emaranhados, tenho compulsão alimentar, em um primeiro momento de vida, era extremamente magra, preocupava meus pais com a minha falta de apetite, com isso, me levaram a médicos, e como consequência dessa fase, tomei remédios para abrir o apetite e tive ganho de muitos quilogramas, me tornei uma criança obesa.

Aos quatorze anos tive uma doença, nada grave, a qual me proporcionou a perda de alguns quilogramas, me senti mais bonita e aceita socialmente, então iniciei uma dieta.

Emagreci vários quilogramas, fiquei magra e feliz.

Essa foi a história que estava em meu consciente, hoje posso avaliar melhor e perceber que minha compulsão alimentar está relacionada com a escassez vivida por meus avós, acredito também que por meus bisavós. Além da falta de condições financeiras dos meus pais durante minha infância.

A escassez, a qual várias gerações perpetuaram, me levaram a fazer reservas alimentares, medo de passar fome. Minha mãe sempre relatava que passaram dificuldades e que não raras vezes o alimento era só o colhido da lavoura e em pouca quantidade.

Eu ouvi essa história, vivi por dificuldades financeiras, foi natural que a criança tivesse medo de passar fome. Hoje fiz o exercício de entender e colocar no lugar adequado essa dificuldade. Não há motivos para estocar excesso de alimento em meu corpo, tenho minha profissão e não passarei fome.

Entendi o significado da frase “antes da felicidade, os pais”, minha lealdade com a família fez com que eu reproduzisse o sentimento de escassez de comida e dinheiro. Menciono o dinheiro nesse momento porque em vários momentos eu recebi dinheiro e gastei mais.

É chegado momento de também colocar a escassez financeira no lugar dela, que não é junto comigo. Honrei meus antepassados por todas as dificuldades, agradeço cada um por fazerem o melhor que puderam, nesse momento não vivo mais a escassez.

Me empodero da vida abundante, sei que preciso comer o suficiente para ter saúde e trabalho em direção a abundância. Meu trabalho como terapeuta se faz de forma empática, cada pessoa que chega até mim, recebe carinho, atenção e indicação da melhor forma para resolver suas dores.

Outra frase que levarei para a vida é “a felicidade é agora”, parece simples, será que darei conta de fazer esse exercício diariamente?. Tenho convicção desse resultado positivo, pois como terapeuta e aluna da mestra Olinda, possuo as ferramentas para a eficácia desse exercício.

Gratidão a você que leu as anotações desse módulo inspirador, gratidão a mestra Olinda por tamanha riqueza que está nos passando em suas aulas.

Um grande beijo em seu coração.

 

 

 

 

 

 

Participe do grupo Constelações Sistêmicas e receba novidades todas as semanas.


Denunciar publicação
    010

    Indicados para você


    Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica

    Verifique as políticas de Privacidade e Termos de uso

    A Squid é uma empresa LWSA.
    Todos os direitos reservados.