[ editar artigo]

MINHA VIDA

MINHA VIDA

Percebo que estou em dúvidas em relação a tantas mudanças.

Quando tomei as dores da mamãe, tomei o lugar do papai. Agora resolvi iniciar a minha vida, ir para a vida! Um sentimento de melancolia, como arrependimento do que não fiz por mim mesma toma conta do meu coração.

Agora eu sigo com o que é meu? Foi como foi, como tinha que ser. Agora eu sigo com que é meu!

Foram três anos e muito cansaço. Deixei de morar com os meus pais, me formei em Direito, namorei, noivei, casei. Deixei uma empresa sólida que construí com a mamãe, na qual trabalhei por 27 anos e agora na pandemia usei as minhas economias.

Como estou com 45 anos eu tenho que decidir se tenho um filho ou se volto para o mercado de trabalho. Lembro que disse para a mamãe que se tivesse que escolher entre ter uma sócia ou uma mamãe eu ficava com a mãe. Neste momento estudo para o exame da ordem e o cansaço e a melancolia me acometem. 

 

As aulas com a Olinda são o meu descanso mental.

 

Inicio a minha vida com a força que recebo do papai e da mamãe.

Eu mereço ser feliz.

Eu mereço prosperar.

Eu mereço ter sucesso.

Eu vivo a minha missão.

Eu sei a minha missão.

Eu me realizo comigo mesma.

Eu curo meu corpo de dor.

Eu não sabia e agora eu sei.

Eu sou 50% papai e 50% mamãe.

Eu deixo o medo ir.

Eu sigo liberta da culpa e do medo e eu tenho a minha própria vida. 

Eu dou conta.

Eu sou grata.

Gratidão.

 

AULA DE 19.11 - Cores

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Danielle mendes
Danielle mendes Seguir

Curiosa, sempre em busca de novos conhecimentos, através dos saberes sistêmicos estou me curando e iniciando uma nova vida.

Ler conteúdo completo
Indicados para você