Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
loading
Constelações SistêmicasVOLTAR

ORIENTAÇÕES SISTÊMICAS/ CONSTELAÇÃO NA ÁGUA

ORIENTAÇÕES SISTÊMICAS/ CONSTELAÇÃO NA ÁGUA
Rosleny Aparecida Jasper Duwe
set. 11 - 2 min de leitura
000

Assunto abordado na constelação e que me chamou muito a atenção: Orfandade!

Como é doce quando o filho consegue nascer para o pai e para a mãe, assim ele nasce também para o mundo. O filho nasce quando sai do ventre da mãe, mas também nasce quando a mãe consegue entregar o filho ao pai. Como é lindo, como é lindo... restaurar o vínculo de amor interrompido é o bálsamo para o sentimento de abandono.

É importante entender que a presença do pai é fundamental para o ser humano. Por meio dele e da mãe é que o filho recebe a vida, independente se o homem e a mulher formaram um casal, pois antes de serem casais, são PAI e MÃE.

Para que possamos respeitar a lei da ordem, devemos estar cientes de que os pais vêm antes e, portanto, devemos honrá-los deste lugar de grandes no sistema. Para as constelações não existe pai ausente. Existe apenas O Pai como sendo aquele que lhe transmitiu a vida, então, muitas vezes, podemos adotar um pai ou até uma mãe como referência. 

Quando nos é negado a filiação, estes se tornam nossos genitores, e após isso podemos estar livres para seguir com nossos pais de adoção. E brilhantemente os filhos se tornam semelhantes aos pais de adoção, os pais de coração.

Nada é por acaso, o filho chega para estes pais adotivos, porque precisa acontecer desta forma, tanto para os pais como os filhos.

Entregar o filho ao pai é deixar que ele segure o filho pela mão e levar seu filho para conduzir ao mundo. Quanto amor e segurança entregue neste momento, o filho nasce para o mundo, a segurança se restaura.

Explicação tão doce nunca tinha visto. Quantos filhos procuram a presença do pai e da mãe, e olha a ironia do destino, muitas vezes os pais estão do lado e não os vê. Outras vezes pais afastados pela vida, pela guerra, pela dor, pela morte, pelas doenças.

As memórias de orfandade pode e deve ser curada através do amor.

Todo sintoma grave, sempre terá muita gente trabalhando a favor daquele sistema. A vida é um constelação. Aquilo que foi são cenas que já aconteceram, mas aprendemos que a vida em si é um constante olhar para a vida e para memória.

#orfandade #genitores #pai #mãe

Participe do grupo Constelações Sistêmicas e receba novidades todas as semanas.


Denunciar publicação
    000

    Indicados para você


    Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica

    Verifique as políticas de Privacidade e Termos de uso

    A Squid é uma empresa LWSA.
    Todos os direitos reservados.