[ editar artigo]

Carta aos meus antepassados

Carta aos meus antepassados

Queridos antepassados lindos... começo assim pois sei que foram pessoas lindas, a contar pela beleza que vislumbra nessa família... rs...

Pensei muito antes de começar a escrever esta carta. Já está meio demodê escrever cartas né?! Mas já percebi que elas serão uma das ferramentas mais utilizadas por aqui. Ainda estou em dúvida sobre o que vou dizer à vocês.

Espero que as palavras venham naturalmente...

Queria saber muito sobre vocês, mas a família que conheço é pequena e nunca comentaram muito sobre quem foram e o que fizeram. Mas eu sei que essa distância se deu porque muitos se perderam ao longo do caminho, outros foram deixados para trás, outros se separaram por uma questão de sobrevivência ou opressão.

Nesse momento, queridos antepassados, um suspiro fundo de compaixão pela vida que tiveram toma conta de todo meu ser. Em minhas pernas sobe um calafrio representando a angústia e o medo que passaram para que eu estivesse hoje aqui.

E agora, com os olhos cheios de lágrimas que reconheço todo o esforço e sofrimento que passaram. Que alívio por terem vencido e sobrevivido, um após o outro para que eu estivesse aqui usufruindo desse mundo tão maravilhoso.

Sabiam que esse mundo mudou muito? Apesar de ainda não ser o mundo perfeito, ele está bem melhor, bem mais justo do que quando vocês viveram.

As guerras diminuíram, não precisamos fugir mais para um país desconhecido em busca de sobrevivência como ocorreu com muitos de vocês que vieram de diversos países da Europa como Espanha e Portugal. Para vocês meus descendentes pretos que foram arrancados a força de sua terra e trazidos para cá, lamento em dizer que o racismo ainda não acabou. Mas, as correntes foram quebradas, agora seus irmãos têm direitos e podem exercer o livre arbítrio que muitos de vocês não puderam.

E é por tudo isso que passaram, que devo fazer jus a vida que tenho. Sou grata por ela e pela daqueles que lhes sucederam até aqui. Obrigada pelas escolhas que fizeram, pois foi a partir delas que conquistei tudo que tenho, que conheci todas as pessoas que eram necessárias. Que cada um de vocês ocupem seus lugares de direito, desde o meu primeiro antepassado até aquelas que eu ainda nem conheço e que representarão algo ao meu sistema.

Pela vida que tiveram, muitos de vocês, com certeza fizeram escolhas das quais se arrependem e ainda sofrem por isso. Quero libertá-los desses sentimentos de culpa, frustrações e arrependimentos. Vocês achavam que estavam fazendo o seu melhor. Vamos fechar esse ciclo para que descansem em paz. Vocês merecem. Nesse momento, aquele calafrio volta a tomar conta do meu corpo. Meu braço e minha mão quase não tem forças para segurar a caneta. Mas o desejo de ver todos bem, seguindo em frente, é maior.

À medida que vão se libertando de suas amarras e seguindo seus caminhos, quero que saibam que eu também me liberto e me curo desses sofrimentos, frustrações e arrependimentos, bem como liberto e curo toda nossa família que ainda se encontra nesse mundo. Continuaremos aqui até quando nosso PAI MAIOR quiser, sempre fortes e unidos dando continuidade a vida desta geração e alicerçando a vida das que ainda virão...sigo orgulhosa de todos vocês e lisonjeada por ter restabelecido entre nós os princípios da vida.

Um grande beijo e até um dia....

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você