[ editar artigo]

COMO ACONTECEU

COMO ACONTECEU

Pouco sei sobre os relacionamentos dos meus antepassados, uma vez que não conheci os bisavós e tão pouco ouvi falar deles. Quanto aos avós, só conheci a avó paterna. Agora, com esse novo estudo, fui em busca de informações, sem muito aprofundamento. Descobri a característica marcante de uma pessoa cuidadosa com os seus no meu lado paterno.

Os avós maternos, segundo minha mãe, falecida, e alguns tios, não eram muito harmoniosos. Meu avô era mais próximo, mais presente e mais carinhoso com os filhos, inclusive fazia roda para contar histórias, tocar cavaquinho e cantar para eles.

Alguns dos tios relatam que o pai confeccionava alguns objetos para presenteá-los, enquanto que minha avó era uma pessoa mais reservada e rígida.

Quanto ao relacionamento de meus pais, quem liderava era a mãe, enquanto ele era o provedor. Os filhos eram tratados com muito rigor, autoritarismo e muitos deveres. Mesmo não estando presente hoje, seus exemplos são marcantes na vida dos filhos.

A figura masculina enquanto provedora sempre existiu.

A minha vida está mais florida. É assim que vejo, principalmente depois dessa oportunidade que Deus me concedeu, colocando pessoas especiais como vocês, equipe da Constelação Sistêmica, que estão me ajudando a ver a vida de uma forma diferente, mostrando que tudo tem uma razão de ser, e o que o não funcional pode ser mudado. Sou imensamente grata por esse momento da vida, por esse aprendizado.

Compreendo hoje a necessidade de olhar para o passado e buscar possibilidades de cura, primeiramente em mim, posteriormente àqueles que vierem buscar ajuda.

Sinto que a partir desse aprendizado terei mais e melhor a oferecer ao meu próximo, pois sei que minha criança está buscando a felicidade não lembrada, porque estou aberta a me reconciliar com o meu passado, gratidão à vida!

 

pink ornaments

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você