Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
loading
Constelações SistêmicasVOLTAR

CONCLUSÃO DE MÓDULO - CONSTELAÇÕES

CONCLUSÃO DE MÓDULO - CONSTELAÇÕES
Ro 123
jul. 5 - 3 min de leitura
030

Uma das coisas que mais me chamou atenção de pronto nesse módulo, é a questão do acolhimento, do se sentir acolhido, do se sentir amado, compreendido, do sem julgamento. Já constelei algumas vezes, fiquei assim fascinada pela minha primeira constelação, mas não chegou nem aos pés do que a Olinda ensinou aqui.

Me lembro, que fiquei fascinada pelo entendimento que me estava sendo passado, lá vou eu aqui falar do meu filho novamente rsrsrsr, mas é a realidade, fazer o que, então continuando, nessa primeira constelação foi me passado as questões sobre honrar pai e mãe coisa que eu nunca havia falado anteriormente, coisas de que o Rafael é um adulto e que ele da conta, mas ....

Mas na prática, me faltou o acolhimento, me sentir aceita, confesso, sai da constelação me sentindo toda errada, mas mesmo assim não desisti, ai minha irmã que é pedagoga me falou de Olinda Guedes, pois a Olinda foi dar uma palestra na escola em que minha irmã trabalhava, e então procurei ela no facebook, comecei a seguir, comecei esse curso, com o intuito de sempre aprender mais e entrando em contato com a mestra ela me passou o contato de uma de suas alunas, a Edna, que é com quem fiz terapia e ainda recorro em minhas noites escuras.

A Edna me acolheu, me viu; ah, vocês devem saber como é bom em momentos de dor e lagrimas alguém te olhar e dizer EU VEJO VOCÊ, EU ENTENDO VOCÊ, VOCÊ NÃO TEM CULPA.

Vendo a Olinda falar sobre o acolhimento, sobre preparar o campo, sobre a linguagem das constelações, realmente faz toda a diferença, na verdade acredito que A ESCOLA REAL faz e fez toda a diferença, pelo menos na minha vida.

E as frases então, que aprendi e hoje carrego comigo, como a Olinda diz, não basta aprender constelação tem que viver constelação.

 -“ Vamos sempre pertencer, ou pertencemos pela dor ou pelo amor”;
- "Eu sinto muito";
- "Não posso mudar as pessoas, mas posso mudar como eu vejo ou como eu trato as situações";
- "Amar sempre, amar muito, o amor cura";
- "Milagres acontecem o tempo todo";
- "Quando eu me curo, tudo a minha volta vai se curando também", acho esse ensinamento fantástico e um incentivo. mania que temos de querer curar o outro, o outro e as vezes não vemos que o que acontece com o outro está em nós. 

Então, tomei a constelação como uma forma de vida, hoje sentamos a mesa em ordem, dormimos do lado certo o homem do lado direito e mulher do esquerdo, acordo e peço internamente a benção dos meus pais e ancestrais e a cada novo aprendizado, novos ajustes.

Sei que ainda tenho muito, mas muito que aprender, minha fila de livros para ler é enorme, mas é um deleite, é uma maravilha a cada livro novo, a cada nova palestra é uma ficha que cai, eu não quero parar por aqui, ainda tenho muito que me curar, para ai sim começar a curar ao meu redor.
 #mod09

Participe do grupo Constelações Sistêmicas e receba novidades todas as semanas.


Denunciar publicação
    030

    Indicados para você


    Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica

    Verifique as políticas de Privacidade e Termos de uso

    A Squid é uma empresa LWSA.
    Todos os direitos reservados.