Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
loading
Constelações SistêmicasVOLTAR

CONHECENDO AS CONSTELAÇÕES

CONHECENDO AS CONSTELAÇÕES
Fabiana Judite Nascimento Beloti
jun. 20 - 4 min de leitura
000

Constelação Sistêmica é uma intervenção sensorial, desenvolvida pelo filósofo, poeta, alemão Bert Hellinger. Ela estuda as emoções e energias que, consciente e inconscientemente, acumulamos.

Este aprofundamento possibilita compreender como esses fatores influenciam em nossa tomada de decisão, de forma a reverter os aspectos negativos que desequilibram nossa vida. Hellinger, que também é teólogo, pôde perceber como inúmeras experiências, especialmente as vividas no ambiente familiar, são decisivas para a nossa saúde emocional.

Assim descobrimos os fundamentos das  constelações e podemos concluir que essas experiências acumuladas desde a infância nos tornam parte de vários sistemas e impactam diretamente em nossos comportamentos e nos resultados que alcançamos na vida que levamos atualmente.

São  heranças emocionais que herdamos de nossa família, como perdas, brigas, doenças, separações traumáticas, tragédias, entre outras, podem ser âncoras negativas em nosso processo de evolução, não só pessoal, como profissional também.

A Constelação pode oferecer melhoras profundas nas relações pessoais, de trabalho, com o aprendizado, nas questões jurídicas, com o dinheiro, mediações, negócios, saúde, sexualidade e decisões.

Pode nos sintonizar com o sucesso e felicidade em várias esferas de nossa vida e apoiar qualquer tema que tenha força.

O Campo informa

“Os campos morfogenéticos ou campos mórficos são campos que levam informações, não energia, e são utilizáveis através do espaço e do tempo sem perda alguma de intensidade depois de ter sido criado. Eles são campos não físicos que exercem influência sobre sistemas que apresentam algum tipo de organização inerente.”

Essa ressonância mórfica é o processo no qual acontecimentos e comportamentos de organismos no passado influenciam organismos no presente.

Da mesma forma, a teoria dos campos morfogenéticos diz que, da mesma maneira que dentro de um sistema com informações similares os indivíduos deste sistema são influenciados, seus comportamentos, descobertas e aprendizados também passam a influenciar este campo.

Nesse sentido, essas informações passam a fazer parte do campo que influência a todos que pertencem a determinado grupo de características semelhantes.

Os campos morfogenéticos também são responsáveis por aquela sensação que a maioria das pessoas tem quando sente que está sendo observada.

O terapeuta precisa  sim saber manejar a técnica, porém é necessário que as constelações se tornem seu estilo de vida.

Segundo o criador das Constelações Sistêmicas, o filósofo e psicoterapeuta alemão Bert Hellinger, existem 3 leis que exercem papel fundamental no sistema.

As 3 Leis Sistêmicas, conhecidas como: Pertencimento, Ordem e Equilíbrio

O principio do pertencimento: Cada pessoa que nasce ou é vinculada a um sistema, necessita ser reconhecida como membro integrante e respeitada no seu lugar e papel dentro desse mesmo sistema. No Sistema Familiar os membros são únicos e todos têm o direito de pertencer. Isso equivale dizer que ninguém pode ser excluído não importando suas características, dificuldades ou virtudes pessoais.

Todos são importantes para o Sistema.

Quando ocorre uma exclusão no sistema familiar acontece um desequilíbrio. Essa situação passa a ser vivida por um descendente, sem que necessariamente ele tenha conhecimento ou afinidade com o antepassado excluído.

O princípio básico da vida, a ordem de precedência, exige que todos na sua família ocupem o lugar que lhe corresponde, que é só dele. Hierarquia ou Ordem de Chegada, diz respeito a quem chegou primeiro na família. Assim, os pais vêm antes dos filhos, o primogênito antes do segundo, e assim por diante.

Portanto, os mais velhos merecem ser olhados com muito respeito e cuidado, pois foi através deles que a família veio se mantendo.

 

O princípio de equilíbrio entre dar e receber é determinado pela nossa consciência. Está ao serviço da troca nas nossas relações.

Todo ser é dotado da capacidade de troca, oferecendo a outros seus dons, capacidades e habilidades e recebendo daqueles o que for importante para satisfazer suas necessidades de sobrevivência, crescimento e desenvolvimento.

Uma relação equilibrada, quando ambas as pessoas compartilham mutuamente, dando e recebendo aquilo que cada um é capaz, é uma relação que promove o amadurecimento a liberdade e o bem-estar.

Quem deu em excesso também é responsável por sua atitude, pois ao dar demais acabou desrespeitando o outro na sua dignidade. Isso acontece também quando queremos dar em excesso a algum irmão ou mesmo aos próprios pais.

#mod01

Participe do grupo Constelações Sistêmicas e receba novidades todas as semanas.


Denunciar publicação
    000

    Indicados para você


    Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica

    Verifique as políticas de Privacidade e Termos de uso

    A Squid é uma empresa LWSA.
    Todos os direitos reservados.