[ editar artigo]

Então...Por onde começar?

Então...Por onde começar?

1° Carta para uma mulher

Conto aqui a historia de uma menina, uma criança, de aproximadamente 44 anos.

Menina inteligente, esperta; mas sozinha, na busca de novas conquistas e novos horizontes. Criança carente de afeto e amor, onde faz disso sua verdadeira busca... ela, órfã de mãe desde seu nascimento...

Forte, voraz, luta com todas as forças para crescer, e quando se dá conta, percebe que ainda é criança, que a impede de progredir. Isto a mantém na dor constante, e não consegue mudar.

Querida mulher...

Talvez você deva olhar para um novo horizonte, olhar em sua volta e enxergar a beleza que a rodeia, olhar as conquistas, as vitórias, e que tal deixar o passado como está?

Erga a cabeça, você é linda, capaz, muito inteligente... então reverencie teu passado e agradeça o quanto ele foi bom, você precisou passar pelo que passou para ser quem você é hoje, e graças a todo o sofrimento q você carregou ate agora na dor.

Sorria... erga a cabeça e siga em frente, você venceu, só não está enxergando... veja além do aparente, lá está você!

Deus te abençoe querida criança, hora de crescer!!!

 

Saber Sistêmico
Ler matéria completa
Indicados para você