[ editar artigo]

Do Oiapoque ao Chuí te desejo vida Mulher!

Do Oiapoque ao Chuí te desejo vida Mulher!

Primeiro faço um pequeno recorte do dia 08 de março, dia Internacional da Mulher que foi oficializada pela Organização das Nações Unidas na década de 1970. Que contextualiza a luta histórica das mulheres para terem suas condições equiparadas às dos homens. São décadas de engajamento político das mulheres pelo reconhecimento de sua causa.

Após a Segunda Guerra Mundial, o dia 08 de março tornou-se o símbolo principal de homenagens às mulheres em virtude da greve das russas.

Esse dia traz o convite à reflexão referente à como a nossa sociedade  trata as mulheres, e vale tanto para o campo do convívio afetivo, familiar e social quanto para as questões relacionadas ao mercado de trabalho.

É um convite para cada cidadão repensar atitudes e tentar construir uma sociedade sem desigualdade e preconceito de gênero.

Para cada mulher, ferida, machucada, violentada e que teve sua vida ceifada, saiba que é vista, é amada, sinto muito, perdoe, te amo...

 Na minha vida queridas mulheres é presença e como somos?

 Há! Eu sou: Menina, filha, irmã, moça, mãe, tia, religiosa, anciã, avó, bisavó.

Simplesmente eu sou mulher, dom divino.

Meu rosto espelha magia, meus olhos iluminam, minha boca fascina, meus braços aconchego... transbordo amor e fascínio, sou frágil como uma flor, sou força a cada dia.

Assim sigo na lida, amando a vida, no rosto da Maria Elza, Anita, Ana, Cintia, Angela, Elizabeth, Andreia, Jolise, Olinda, Mari, Nivea Cibele, Anne, Edna, Rosana, Clarice, Eliane, Antonia que traz no rosto a mulher a desabrochar, como um sol amarelo na vida a brilhar, a sua casa um castelo a brilhar, livre como uma gaivota a voar, faz da vida rosa grená, tudo em volta colorindo, um brilho será, e ali logo em frente, a vida vai pilotar e nos convida a rir ou chorar.

Nessa estrada não nos cabe conhecer ou ver o que virá...
O fim dela ninguém sabe bem ao certo onde vai dar.
Vamos todos numa linda passarela de uma aquarela... o mundo pintar.

Para você querida mulher que transforma  a vida em uma aquarela, Do Oiapoque ao Chuí, vida em abundância.

https://brasilescola.uol.com.br/datas-comemorativas/dia-da-mulher.htm.

Acesso em 08 de março de 2020.

Fotos autorizadas para postagem.

Música: Aquarela - Toquinho.

 

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Sueli Machado
Sueli Machado Seguir

Casada com Valduir Machado, mãe da princesa Talita Machado e de uma estrelinha no céu.

Ler conteúdo completo
Indicados para você