[ editar artigo]

História de vida!

História de vida!

Uma cliente chegou em meu consultório dizendo que tinha que emagrecer, mas não achava justo ela ter que privar-se de comer.

Perguntei: O que se passa? Como é sua relação com sua mãe?

Minha mãe abandonou a mim, meus irmãos e meu pai quando eu tinha 10 anos. Fomos morar como uma tia, mas eu tinha que cuidar dos meus irmãos, ser a mãe deles. Tenho muita raiva dela. Minhas irmãs tem contato com ela, mas eu não quero saber, tenho raiva, não quero ver, nem falar.

Disse a ela: Vamos abrir espaço no seu coração para sua mãe? Enquanto não existir o espaço no coração, ele aparecerá no corpo.

Você sabe a história de vida da sua mãe? O que se passou com ela na infância, na vida dela? A história da sua avó?

Ela disse: Não sei nada da história delas!

Então completei: Ela te deu o melhor, a sua vida! Caso contrário você não estaria aqui hoje. Não use a raiva como desculpa para não se aproximar dela, não deixe o orgulho falar mais alto. Ela fez o que sabia, você fez diferente com seu filho e isto já é maravilhoso.

Trabalho de casa: toda vez que pensar nela com raiva, troque por gratidão. "Gratidão por ter me dado a vida!" 

Mensagem da cliente no dia seguinte:

Bom dia Ana! Você em um dia fez uma revolução, conversei com minha irmã e ela me contou o passado da minha mãe (eu não falava mais essa palavra e consigo falar). Como você disse, conhecendo o passado, a gente aceita melhor. Nem consegui dormir direito, pensando muito. Difícil mexer no "lixo" tudo de novo. Mas agora acho que chegou a hora: Vamos seguir! Hoje não estou sentindo raiva dela, só da situação.🤔

Cada vez que eu leio, fico emocionada!

Gratidão ao conhecimento sistêmico!

Ana Cláudia Gentili

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você