[ editar artigo]

Nós e Laços - Uma visão simples sobre as Constelações Sistêmicas

Nós e Laços - Uma visão simples sobre as Constelações Sistêmicas

Um amigo questionou-me acerca do meu trabalho em divulgar o curso de Formação em Constelações Sistêmicas, pois na visão dele, pelo o que ele já viu ou pesquisou, "parece ser uma seita ou religião... e tudo é muito estranho"... 

Essa foi a melhor forma que ele encontrou para me dizer que não desejava participar do Curso de Constelações.

Então, numa linguagem que eu sei que ele compreenderia, expliquei de forma bem simples o que são as Constelações Sistêmicas.

Falei mais ou menos assim:

"Conheci as Constelações Sistêmicas há doze anos, com Olinda Guedes. Através dessa terapia sistêmica aprendi, realmente, que o amor é o centro de tudo. O amor cura. Esse amor vem do ser humano, mas os milagres acontecem, porque esse amor corresponde com o divino.

Existem charlatões por aí, que usam esse saber sistêmico com linguagem religiosa e por isso deturpam algo tão precioso. Daí, uma técnica tão maravilhosa de cura, acaba passando uma imagem nada legal.

Assim como Newton descobriu as leis que aprendemos nas aulas de Física, Bert Hellinger é o pai das Constelações Sistêmicas, pois ele percebeu através da observação das pessoas de diversos países e culturas diferentes, que existem forças que atuam igualmente, em cada ser humano. Essas forças ele denominou de 'Leis do amor', que fala sobre o 'equilíbrio entre o dar e receber', 'inclusão e exclusão - pertencimento' e 'ordem', etc...

Bert Hellinger codificou que quando inicia-se um conflito ou uma doença se manifesta e a pessoa vem para uma sessão terapêutica com uma queixa, é preciso olhar para onde começou a violação de uma dessas leis. E, para que possa encontrar uma forma de solução, precisamos fazer os movimentos que curam: 'Gratidão', 'Sinto muito', 'inclusão', 'reverência', 'eu vejo você', etc...

As Constelações não dizem respeito a reencarnação. Antes, olha para a força que  atua em nós de nossa história familiar e ancestralidade.

Assim como temos olhos, cabelos, cor de pele parecidos com a de nossos pais e até avós, nós também trazemos em nossa memória transgeracional e epigenética a programação de traumas, medos, sustos, doenças que irão se manifestar com o tempo, etc... Até nossa personalidade e forma de pensar é afetada.

E quando não nos damos conta disso tudo, vivemos inconscientes, uma vida levada pelo vento, porque sem saber quem somos e de que núcleo familiar viemos, não percebemos as forças limitantes que atuam sobre nós.

Porém, também existem nossos talentos, boa saúde, habilidades excepcionais, boa sorte na vida,... E por quê? Seria mero fruto do acaso? 

E quando estamos cientes de tudo isso, tomamos posse dessa luz que nos empodera e também aprendemos a lidar com nossas sombras. 

​​​​​​Trabalhando essas forças que atuam sobre nós, encontramos a harmonia com a gente mesmo e com o divino.

E é aí onde o profissional Constelador precisa respeitar a fé do cliente, pois até isso faz parte da história e núcleo familiar ou social da pessoa.

Devemos sim, manifestar nossa fé e estarmos seguros de quem somos e acreditamos, mas cada pessoa tem uma crença e, por isso, um profissional precisa ser imparcial e respeitar a religião da pessoa, pois tudo isso faz parte e tem um porquê em cada ser humano. 

Infelizmente, há 'profissionais' que usam as técnicas terapêuticas para criarem religiões e seitas, então, afastam as pessoas de técnicas maravilhosas de cura, como as Constelações por exemplo, por causa do fanatismo. 

O mesmo aconteceu com a Acupuntura e Reiki no passado. Mas quando a Ciência provou os benefícios terapêuticos dessas técnicas, hoje elas não estão mais inculturadas em religiões e sim na própria Medicina moderna.

Atualmente as Constelações Sistêmicas é reconhecida pela Ciência como terapia de cura e está disponível até mesmo nas Unidades Públicas de Saúde. Mas ainda tem fanáticos que teimam em impor sobre seus clientes as suas visões limitantes e muitos ainda desconhecem sobre essa informação.

​​​​Independente disso tudo, independente de crenças e religiões, é bom saber que as 'Leis do amor' atuam, igualmente, em todas as pessoas, assim como as leis da Física. E Bert Hellinger é quem percebeu e codificou as leis do amor, após diversos trabalhos, em viagens missionárias após a segunda guerra mundial. Vale muito a pena saber mais sobre a vida de Bert Hellinger e como ele chegou a este discernimento.

É  preciso anos de estudos, para aprender e se aprofundar no conhecimento das Constelações Sistêmicas, Análise Transacional, Hipnose, Renascimento, Psicologia, Psicanálise, etc... para atuar como um bom profissional em Constelações Sistêmicas.

Agora, tem pessoas que estudam um pouquinho e já saem dizendo que são Consteladores, atendendo todo mundo e criando até uma nova religião ou seita. Talvez você tenha encontrado um 'profissional' assim, por isso achou estranho e não concorde em como as Constelações lhe foi apresentada.

Verifique sempre a Formação de qualquer tipo de profissional e então você decidirá se deseja ouvir e aceitar o que este profissional tem a lhe dizer e ensinar. Verifique também, se a conduta deste é congruente com o que diz. E você decidirá se deseja ser aluno, aprendiz e passar essa mensagem adiante. 

Eu estou segura da profissional com quem trabalho há anos, por isso concordo contigo quando você diz achar estranho, pois sei que você ainda não conheceu Olinda Guedes e seu trabalho."

Meu amigo se encantou com minhas palavras e agora até decidiu pesquisar mais sobre o assunto.

Espero que esse partilhar traga muita luz a qualquer dúvida que você tenha sobre as Constelações Sistêmicas.

Gratidão por ler até aqui!

 

 

 

 

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Marinez da Silva Amatti Grochewski
Marinez da Silva Amatti Grochewski Seguir

Me chamo Marinez, sou filha da Adel e do Tião. Sou cantora, violonista, compositora, casada e mãe. Tenho formação em Constelação Familiar e PNL, pelo Instituto Anauê-Teiño. Espero compartilhar com vocês várias das minhas reflexões e experiências!

Ler conteúdo completo
Indicados para você