[ editar artigo]

O amor de uma Mãe

O amor de uma Mãe

Uma mãe se torna mãe assim que pensa em um dia ter um filho. Esta ideia fica dentro e em semente fica esperando o momento certo para germinar. Então acontece pra cada um no seu tempo...

Aí germina, cresce e como toda semente precisa ver o Sol brilhar, sentir o vento, a brisa, beber da água da vida e crescer, ser e se tornar planta, com folhas, flores, frutos, aromas, sabores e amores!

E a mãe? Ela fica ali amando, aparando, educando, acolhendo...

Ela vira bicho para defender sua cria

Ela vira professora para ensinar o que nenhuma escola ensina

Ela sabe (nem sempre) o momento de se recolher e deixar que seus rebentos se arrisquem, e apenas observa, e é lógico depois nos olha com aqueles olhos de "bem que eu te avisei! "

E ali ela espera e ali ela repousa

E ali fica até que o último filho fique bem

E ali se aguenta até que possa partir, pois tudo já está no seu lugar, nenhum filho ficará desamparado sem lugar para morar, pois pra onde ela vai ele vai estar com ela!

E ela vai estar em todos os seus filhos, netos, bisnetos...

E aí ela vira semente para germinar em outras paragens...

(Que a terra lhe seja leve).

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você