[ editar artigo]

O processo de morrer

O processo de morrer


Em dezembro de 2018 eu passava por um processo de quase morte.

Não é exagero nem drama. Isso é real.

O tratamento oncológico me colocou num estado de fragilidade tão grande que nessa fase eu não conseguia mais fazer atividades comuns como tomar banho em pé, beber água, caminhar, sustentar minha cabeça sobre o pescoço, meu corpo foi mudando a coloração e aos poucos era visível que a vida estava deixando meu corpo e a morte se anunciando. Nesse período amigas começaram a ir me visitar e nos seus semblantes eu via o espanto, pois elas sabiam que algo estava prestes a acontecer.

Recentemente estudando, descobri que no fim da vida, os pacientes não necessitam tanto de água, pois os líquidos atrapalham o processo de morte. Além da necessidade grande de dormir todo o tempo e da falta de apetite. 

É...realmente eu estava morrendo...

Embora eu não quisesse acreditar que isso pudesse estar acontecendo comigo, eu sentia que isso era real e próximo.
Uma das coisas que literalmente me trouxe de volta para vida, foi ter acesso aos Cuidados Paliativos.

Com a Ursula, Mano e outros profissionais incríveis me conscientizei que a morte estava próxima de chegar. Ao participar de um evento sobre CP entendi que eu estava numa curva de fim de vida. E por isso foi necessário controlar as dores que antecedem esse momento. 

Eu sentia muita dor e desconforto.

Só quem me viu sabe realmente o que viu! 

De qualquer forma eu queria muito viver e lutei bravamente por isso! Mas eu senti muito medo da morte, eu me questionava o que será que aconteceria depois da minha morte. Eu tinha tantas coisas para fazer! 
Controlar as dores me ajudou a ir me recuperando.

Estava morrendo de dor e não do câncer.

Com essa suspeita de retorno da doença e uma metástase óssea, tenho vivido um processo de compreensão interna incrível!

O medo, a insegurança, a incerteza, já não existem mais. 

A minha espiritualidade e conexão com Deus me trouxe plena consciência de que seja lá o que for eu sei para onde eu vou e com quem vou estar após a minha partida desse corpo físico.

Sei e sinto que a minha missão aqui nessa terra está sendo cumprida, dure o tempo que durar.

#cuidadospaliativos 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
MILENA PATRICIA DA SILVA
MILENA PATRICIA DA SILVA Seguir

Sou mãe do pequeno Henrique, escritora professora de Direito Sistêmico, Advogada, pesquisadora, terapeuta, master e coach em PNL, doula, apaixonada pelo cuidar do ser, pelo conhecimento, pelos livros e pela vida e por chá de manjericão.

Ler conteúdo completo
Indicados para você