[ editar artigo]

O uso do pertencimento para resolução de conflitos

O uso do pertencimento para resolução de conflitos

Eu leciono para 7º e 8º anos. Embora eu tenha muitos alunos "indisciplinados", um em especial me dava um certo trabalho, pois mesmo usando as falas aprendidas no curso, ele era agressivo, não participava das aulas, me desrespeitava e agredia os demais.

No mês de setembro, houve uma Feira Cultural na escola e eu estava ajudando minha sala de coordenação com uma maquete. Esse aluno me viu com dificuldades, pois o tempo era curto, e os alunos responsáveis pela maquete não haviam terminado ela no prazo. "Estávamos em cima da hora". Então, o aluno que sempre "me dava problemas" veio até mim e disse:

-Deixa eu te ajudar professora. Estou vendo que você precisa de ajuda.

Eu deixei e ele ajudou. Terminamos a maquete a tempo.

No dia da Feira Cultural, chamei ele de canto e disse:

-Sabe a maquete que você ajudou a fazer? Ela está ali na exposição, e isso só foi possível graças à sua ajuda. Eu vejo você e te dou um bom lugar. Também te agradeço pela ajuda, e se alguma vez eu não te vi ou te negligenciei, eu sinto muito. Por favor, me desculpe.

Seus olhos se encheram de água e nossa relação mudou, depois desse dia ele passou a prestar mais atenção nas aulas, realiza as atividades e sempre me pergunta se preciso de algo, se quero ajuda.

Antes ele sentava no fundo da sala, agora senta na primeira fileira, passou a não usar os fones de ouvido e se tornou atento e solícito.

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você