[ editar artigo]

Pais se despedem de um filho

Pais se despedem de um filho

Sobre pais que se despedem de um filho...
Ainda no ventre, ou em pequena idade, média ou na vida adulta, não muda muito, pois ainda assim, sentimos estar fora da "ordem", do esperado na vida. Pais vêm antes e se vão antes dos filhos. Mas nem sempre é assim, não é?
Não há como não parar um minuto que seja, ao receber a notícia que uma família acaba de passar por um momento assim, onde se despedem de um anjo, e tentar imaginar tamanha dor. De alguém que veio, lhes trouxe algo, e que agora fisicamente não estará mais aqui. 
É um acontecimento que marcará a vida de muitas pessoas, que será um trauma tão grande para alguns que o levarão por toda vida. Uma dor que precisa ser respeitada, acolhida e olhada. No tempo de cada um. Quem fica, fica com muito de quem foi. É possível cuidar de quem fica. Quem fica precisa ser cuidado. 
Uma rede íntima de apoio, respeito e amor é necessária. 
É possível que essa dor seja reconfigurada e venha a ser outra coisa. 
A vida segue, com os tropeços, os buracos e as flores. 
Que a empatia e o respeito prevaleçam nos momentos de dor. 
Que possamos nos olhar nos olhos e acolher o que for. 
Assim eu busco seguir. Não conheço essa dor, mas consigo me colocar ao lado de quem a conhece, e estarei aqui para quem precisar! 
E deixo a flor de lótus para nós... cujas raízes têm a base na lama e no lodo de lagos, possui a semente com maior longevidade e resistência: pode aguentar até 30 séculos antes de florescer sem perder a sua fertilidade.
Esta bela flor emerge e se nutre de barro, em pântanos ou lugares alagadiços, e quando floresce se eleva sobre o lodo. 
De noite, as pétalas da flor se fecham e ela mergulha sob a água. Ela se fecha para mergulhar, mas ao amanhecer se levanta novamente sobre a água suja, intacta e sem restos de impureza por causa da disposição das suas pétalas em forma de espiral.
A flor de lótus tem a peculiaridade de ser flor e fruto ao mesmo tempo: o fruto tem a forma de cone invertido e está no seu interior. Quando a flor está fechada ela não tem cheiro, mas quando se abre o seu aroma exala.
Que possamos, assim como essa flor, transformar nossas adversidades e encontrar um jeito de emergir das profundezas de nossa vida.

#luto #filhos #pais #maternidade #paternidade #família #psicologia #psicoterapia #rededeapoio #trauma #respeito #amor #gestaltterapia #constelações #sistêmica #crianças #paisefilhos

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Vanessa Bonissoni
Vanessa Bonissoni Seguir

Filha de Everaldo e Neide, Psicóloga, Esposa do Sergio, Gestalt-terapeuta, Mãe do Leonardo e do Daniel, Consteladora, Apaixonada pela vida, pelas pessoas e pelos animais!

Ler conteúdo completo
Indicados para você