[ editar artigo]

Princípios

Princípios

DADOS DO EXEMPLAR LIDO

Título: Princípios

Autor (es): Ray Dallo

Edição: 1.a edição digital Local de Publicação: Rio de Janeiro-RJ

Editora: INTRÍNSECA /Ano: 2018


QUESTÕES ORIENTADORAS PARA FICHAMENTO

1) Qual a mensagem global que o autor deixou para você? Resuma em, no máximo, 4 parágrafos.

Princípios são verdades fundamentais que servem como base para um comportamento que proverá aquilo que você deseja da vida.Ter um bom conjunto de princípio é como ter uma boa coleção de receitas para o sucesso. Descobrir seus princípios nas fontes que julgar mais adequadas e que, em um cenário ideal, você os coloque no papel.

Creio que o segredo para o sucesso esteja em saber lutar por um grande objetivo e em fracassar bem, isto é, ser capaz de experimentar fracassos dolorosos, fonte de grande aprendizado, mas não um fracasso grande o suficiente para tirá-lo do jogo. É preciso ser um pensador independente e estar fundamentado para apostar contra o consenso, o que também significa errar uma quantidade considerável de vezes. Desenvolva um medo saudável de estar errado e uma abordagem para a tomada de decisão que maximiza suas chances de estar certo.

Ray fala sobre trabalhar com ações e diz que é preciso ser cauteloso e agressivo ao mesmo tempo. Sem agressividade não se faz dinheiro e sem cautela não se consegue mantê-lo.

Se você trabalha duro e com criatividade, pode conseguir praticamente qualquer coisa, mas não tudo o que quiser. Maturidade é a capacidade de abrir mão de boas oportunidades para ir atrás de oportunidades ainda melhores. Existem as pessoas que trabalham por uma missão e as que trabalham por um contracheque.

Resultados fracos levam a reflexões e aprendizados, tempos ruins quando acompanhados de boas reflexões, fornecem algumas das melhores lições, não apenas para os negócios, mas também para as relações. Devemos sempre trazer à tona problemas e desavenças e buscar entender o que precisaria ser feito para melhorar.

Ray é um brilhante inovador, compreende, mercados e gestão financeira, as vezes diz coisas e age com os funcionários de modo que se sintam incompetentes, as chances de isso acontecer aumentam quando Ray está sob estresse e ao invés de impulsionar os associados Ray, os desmotiva, isso reduz a produtividade e a qualidade do ambiente de trabalho.

Princípios de Trabalho: eram uma espécie de acordo sobre como lidarmos uns com os outros e também as reflexões sobre como deveríamos encarar as situações do ambiente de trabalho, como a maioria delas se repetia com pequenas variações, os princípios eram sempre aprimorados.

O que define a empresa de Ray a Dridgewater ter ou não sucesso seriam as pessoas e a cultura e quem está no comando de uma empresa precisa fazer escolhas importantes todos os dias. O processo de tomada de decisão é o que determina o caráter da companhia, a qualidade de suas relações e os resultados que produz.

A vida consiste segundo Ray em três fases: na primeira somos dependentes de outros e aprendemos, na segunda outros dependem de nós e trabalhamos e na terceira não dependem mais de nós, não necessitamos mais trabalhar e estamos livres para saborear a vida.

Bill Gates tem sido um formatador no mundo dos negócios e da filantropia, como foi Andrew Carnegie, Mike Bloomberg na área de negócios, filantropia e liderança política. Einsten, Freud, Darwin e Newton, formatadores gigantes nas ciências. Cristo, Maomé e Buda foram formatadores religiosos, todos construíram com sucesso suas visões originais.

Sobre a filantropia, embora a família Dalyo ainda não tenha respostas definitivas para tais questões, sei que eu, pessoalmente, doarei mais da metade do meu dinheiro para terceiros.

Está bem claro para o autor que o seu propósito, o nosso propósito e o propósito de tudo mais é evoluir e contribuir para a evolução, mesmo que de forma discreta.

É uma lei fundamental da natureza: para ganhar força, é preciso superar os limites, ainda que seja doloroso.

Não fracassar em dado momento significa que você não está forçando seus limites; portanto, não está maximizando seu potencial. Quanto mais alto subir, mais eficiente se tornará em lidar com a realidade para formatar resultados na direção das suas metas. O que antes parecia impossivelmente complexo se torna simples.

Existem muitos caminhos para a felicidade, você terá mais chances de ser bem-sucedido e feliz assumindo a responsabilidade de tomar boas decisões, em vez de reclamando daquilo que está fora do seu controle.

A maioria das pessoas opera de modo emotivo e de acordo com o momento; fazem da própria vida uma sequência de experiências emocionais não direcionadas, indo de uma coisa para a outra.

O pensamento de nível superior é, portanto, essencial para o sucesso.

Grandes expectativas criam grandes habilidades. Ao limitar seus objetivos ao que sabe que é capaz de atingir você está nivelando por baixo.

Em tempos difíceis, o seu objetivo pode se manter o que já conquistou, minimizar as perdas ou lidar com uma perda irreversível. Sua missão é sempre fazer as melhores escolhas possíveis sabendo que será recompensado.

As tarefas, a abordagem e as metas são coisas diferentes, então não as misture. Lembre-se de que as tarefas são o que conectam a abordagem às metas.

Preocupe-se em sintetizar e formatar da melhor maneira possível. As primeiras três etapas: definir metas, identificar problemas e diagnosticá-los são o que chamo de sintetizar (saber qual rumo tomar e o que realmente está acontecendo). Planejar soluções e garantir que os planos sejam implementados é o que chamo de formatar.

Todo mundo tem fraquezas e elas se revelam na forma de erros. Saber quais são as suas e encará-las com sinceridade é o primeiro passo para o sucesso.

 “Conhece a ti mesmo” e “Seja fiel a ti mesmo” quanto mais nos conhecemos, melhor podemos reconhecer o que pode ser mudado e como fazer isso, e também o que não pode ser mudado e o que fazer a esse respeito.

O hábito é o mais poderoso instrumento da caixa de ferramentas do cérebro, é guiado por um conjunto de tecidos chamados núcleos de base, é tão enraizado e instintivo que não temos consciência dele, apesar de controlar nossas ações.

O aprendizado deve vir antes da decisão, que é o processo de escolher a qual conhecimento recorrer, tanto os fatos da questão específica quanto a compreensão mais ampla do mecanismo de causa e efeito subjacente e, então pesá-los para determinar um curso de ação.  

A medida que essa simbiose entre nós e a tecnologia aumentar, as máquinas aprenderão como somos o que valorizamos, quais são nossas forças e fraquezas e serão programadas para compensar nossos pontos fracos, refinando os conselhos que nos oferecem.

As pessoas ainda tomam as decisões mais importantes, melhor do que os computadores, as pessoas com mais bom sendo, imaginação e determinação.

A mente humana e a tecnologia trabalhando juntas foi o que nos trouxe de uma economia em que a maioria das pessoas trabalhava com a terra para a Era da Informação. Os melhores tomadores de decisão têm bom senso e imaginação, são determinados, sabem o que desejam e o que devem valorizar e têm a habilidade de associar tudo isso ao uso de computadores, matemática e teoria dos jogos.

Para adquirir princípios eficientes é essencial que você aceite a realidade e lide bem com ela.

Para que algo seja considerado “bom” precisa estar alinhado com as leis da realidade e contribuir para a evolução do todo.

A maior força individual do universo é a evolução, única coisa verdadeiramente permanente a que tudo rege.

O que você será depende da sua perspectiva.

A melhor forma de tomar decisões excelentes é saber como triangular informações com outras pessoas que possuem mais conhecimento. Por isso é importante ter habilidade e discernimento em relação a quem se escolhe para triangular.

Sucesso consiste em ir de fracasso em fracasso sem perder o entusiasmo.

2) A partir do que você leu, enumere 10 dicas para você criar excelência para sua vida.

1- O processo evolutivo por ser descrito por cinco etapas:

  1. Estabelecer objetivos;
  2. Identificar e não tolerar problemas;
  3. Diagnosticá-los;
  4. Criar planos para contorná-los e
  5. Realizar as tarefas exigidas.

2- Aceite as coisas como são e busque eficiência para lidar com elas; a vida, no fim das contas nada mais é do que extrair o melhor das circunstâncias em questão. Isso inclui ser transparente com os seus pensamentos e aceitar de mente aberta os feedbacks dos outros, o que aumentará de forma considerável o seu aprendizado.

3- As opiniões mais criveis vem de pessoas que fizeram com sucesso a coisa em questão pelo menos três vezes, têm ótimas explicações para as relações causa e efeito que as levaram a ter suas conclusões. Preste mais atenção no raciocínio das pessoas do que à conclusão a que chegaram.

4- Se você constantemente fica sobrecarregado com detalhes, há um problema de gestão ou de treinamento, ou então, o trabalho está sendo feito pelas pessoas erradas. O verdadeiro sinal de um gerente virtuoso é o fato de ele praticamente não ter que fazer nada.

5- Como podemos melhorar nossa capacidade de aprendizado?

Ser capaz de sintetizar com precisão e saber navegar entre níveis. A qualidade da sua síntese determinará a qualidade do seu processo decisório. É por isso que sempre vale a pena triangular suas opiniões com pessoas que você sabe que sintetizam bem. Isso aumenta as chances de obter um resultado melhor, ainda que você ache que conseguiria fazê-lo sozinho. Nenhuma pessoa sensata deveria recusar as opiniões de alguém com credibilidade por ter total confiança em estar certa.

6- Uma decisão vencedora é aquela cujo valor esperado é positivo, a recompensa vezes sua probabilidade de ocorrer é maior do que a penalidade vezes sua probabilidade de ocorrer, com a melhor decisão sendo aquela com o maior valor esperado. Qualquer tolo pode fazer algo de modo complexo. É preciso um gênio para simplificar. Fazer uso de princípios é um modo de simplificar e ao mesmo tempo aprimorar seu processo decisório. A chave é:

  1. Desacelere o seu pensamento a fim de notar os critérios que está adotando para tomar uma decisão.
  2. Escreva esses critérios como um princípio.
  3. Retorne a eles quando tiver um resultado para avaliar e refine-os antes que “mais uma daquelas” apareça.

O processo decisório que se vale de princípios e credibilidade ponderada é fascinante e leva a decisões muito diferentes e melhores.

7- Ray comenta que usou na Bridgewater um teste “Perfil de dimensão de equipe TDP, para conectar as pessoas com suas funções preferidas identificando cinco tipos.

  • Criadores: geram novas ideias e conceitos originais. Preferem atividades desestruturadas e abstratas e prosperam com inovação e práticas não convencionais.
  • Introdutores: comunicam essas novas ideias e as levam adiante. Adoram sentimentos e relações e administram os fatores humanos.
  • Refinadores contestam as ideias, analisam projetos em busca de falhas e então, os refinam com um foco na objetividade e na análise.
  • Executores, implementadores e asseguram que as atividades importantes sejam realizadas e os objetivos cumpridos, focam nos detalhes e no resultado final.
  • Flexores são uma combinação dos quatro tipos, adaptam seu estilo para encaixar certas necessidades e são capazes de olhar para um problema a partir de uma variedade de perspectivas.

Quem costuma focar nas metas e “visualiza” melhor pode ver o quadro geral ao longo do tempo e também tem chances maiores de realizar mudanças significativas e antecipar eventos futuros.

  • Formatadores, são as pessoas que podem ir da visualização à concretização, alguém que cria visões únicas e valiosas e as constrói com perfeição, superando as dúvidas das outras pessoas. São capazes de enxergar bem tanto o quadro geral quanto os detalhes. Formatador = visionário + pensador prático = determinado.

8- As diferenças de pensamento entre os lados do cérebro:

  1. O hemisfério esquerdo pensa de forma sequencial, analisa detalhes e é superior em análise linear. Pensadores “lineares” ou com “cérebro esquerdo” são analiticamente fortes a ponto de serem considerados “brilhantes”.
  2. O hemisfério direito pensa atravessando categorias, reconhece temas e sintetiza o quadro geral. Pensadores “laterais ou com “cérebro direito”, com um tipo de inteligência mais dinâmico, são com frequência chamados de “chamado inteligentes”.

9- Os princípios do trabalho são escritos para quem encara o trabalho acima de tudo como o jogo no qual se entra para seguir a própria paixão e realizar a própria missão.

10- Pessoas inteligentes e que aceitam os próprios erros e fraquezas quase sempre têm desempenho melhor do que colegas com as mesmas capacidades, mas com barreiras do ego maiores.

3) Considerando a realidade onde vive, o que você aplicou, imediatamente, assim que leu? (Qual tópico, qual ideia? - cite o capítulo, página e a ideia).

Transforme sua paixão e seu trabalho em uma única coisa e faça isso com pessoas que gostaria de ter ao seu muito mais feliz e muito mais bem-sucedido. Pensar unicamente no que é exato, em vez de em como é percebido, força você a focar nos aspectos mais importantes.

Quem só está obtendo sucesso não deve estar forçando os próprios limites. É preciso exceder os limites para se fortalecer. O mau comportamento dos outros não justifica o nosso.

Há pessoas que compartilharão seus valores mais importantes e o modo como você aplica isso à vida. Certifique-se de tê-las por perto.

Uma organização é o oposto de um prédio: sua fundação está no topo; por isso certifique-se de contratar os gerentes antes de contratar seus subordinados.

4) O que você transformou em si mesmo com a leitura deste livro?

Algumas pessoas gastam muito tempo e esforço para produzir muito pouco, enquanto outras fazem muita coisa ao mesmo espaço de tempo. O que deferência quem consegue fazer muito de quem não consegue é criatividade, caráter e sabedoria.

Pague às pessoas o suficiente para que não passem por dificuldades financeiras, mas não tanto a ponto de ficarem acomodadas. Somente uma equipe motivada trabalha para realizar sonhos.

5) Quais as mudanças que você se compromete em tornar real a partir desta leitura?

Em vez de celebrar o quanto somos bons, focamos nos aspectos que precisamos melhorar, é por isso que nos tornamos tão bons.

O treinamento é parte de um plano para desenvolver as habilidades das pessoas e ajuda-las a evoluir.

Pôr as pessoas certas nas funções certas em busca do objetivo é a chave para ter sucesso no que você deseja realizar.

6) Se você encontrasse o autor do livro, o que você diria a ele?

Sem dúvida uma das melhores leituras que já fiz até hoje.

7) Enumere 3 pessoas para as quais você sugeriria este livro e justifique.

Todas as pessoas dispostas e evoluir e se transformar. Conhecimento é poder.

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Iraci Aparecida Franceschini
Iraci Aparecida Franceschini Seguir

Sou Partner da SBC Sociedade Brasileira de Coaching e Master coach, fundadora do Instituto D´ORO Treinamento e Desenvolvimento Ltda, apaixonada por contribuir com o desenvolvimento humano de pessoas, times e empresas utilizando soluções on-line .

Ler conteúdo completo
Indicados para você