[ editar artigo]

Querida criança, onde está sua Majestade?

Querida criança, onde está sua Majestade?

Amada Lu, sei que muitas vezes, ao longo da caminhada, não pude lhe ver. Parecia um apagão. Pouco, ou quase nada das lembranças, me vinham a cabeça.

Sua Majestade, amada Lu, está lá onde você se permitia ser livre, ainda que nos pensamentos; está nas brincadeiras com as amigas e bonecas, sobretudo com estas últimas, companheiras de estudos diários, quando você deixava a imaginação fluir, dando aulas às suas bonecas sobre as lições aprendidas em sala de aula.

Sua Majestade, amada Lu, está nas cartinhas que se permitia escrever, com muito amor e imaginação.

Está nas músicas que amava ouvir dançando e criando coreografias.

Sua Majestade está na curiosidade pelo novo, pela vida.

Sua Majestade, amada e querida Lu, habita dentro desse seu coração, que novamente se abre para a vida.

Lhe acolho, lhe amo e lhe quero muito, muito feliz.

Com carinho, Lu

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
LUCIANA DA SILVA BITENCOURT
LUCIANA DA SILVA BITENCOURT Seguir

Sou Luciana, mãe de Edson e Júlia, casada com Edson, advogada por formação, terapeuta de coração.

Ler conteúdo completo
Indicados para você