[ editar artigo]

Sobre as Leis do Amor

Sobre as Leis do Amor

As Leis do Amor nos mostram que nos mantemos leais e emaranhados às nossas famílias de origem e que cada família tem suas peculiaridades, suas virtudes e seus desafios.

Essas Leis nos explicam que priorizamos a lealdade ao sistema familiar em detrimento da nossa felicidade e que, em nossa alma, está gravado "Antes da felicidade, os pais."

E, devido, à essa lealdade/emaranhamento, seguimos inconscientemente "presos" a situações disfuncionais e desproporcionais, exemplo: Alguém que sente pavor de viajar, mas que nunca passou por qualquer complicação em alguma viagem.

Por fim, o emaranhamento ocorre para não contrariar o grupo ao qual a pessoa pertence, mesmo que esse pertencimento seja por vias dolorosas e traga resultados negativos para todos.

"Fazemos tudo para pertencer, até renunciar à nossa felicidade".

Por isso, precisamos refletir: O que já fizemos ou ainda fazemos pelos nossos pais? Pois, segundo Hellinger: "Para sermos felizes, precisamos ser um pouco desleais".

O que, em nome da sua felicidade, você gostaria de transformar?

E nos dando conta de tudo isso, já começamos a constelar!

Com amor

Glória Caroline Neri Mantovani

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você