[ editar artigo]

Sonhar sim, iludir-se não.

Sonhar sim, iludir-se não.

Ilusão é achar que podemos realizar o sonho de alguém. Ou mesmo achar que alguém possa ser nosso sonho, isso é pura ilusão!

Bert Hellinger escreveu: "Alguns sonhos, não têm nada a ver com o sonhador. Um sonho pode pertencer, na verdade, a outro membro da família do sonhador". Muitas vezes temos a ilusão de que nos realizaremos, manifestando os sonhos frustrados de nossos antepassados. Processo também conhecido como identificação ou amor cego.

A inconsciência desta identificação mobiliza-nos a agir como o antepassado na qual estamos identificados. Mas o que está no passado não pode ser remendado. Temos que aceitar o destino do outro e reverenciar o que foi, como foi e do jeito que foi.

Quando me iludo tentando viver uma realidade que não é a minha, perco energia, me enfraqueço.

Já os sonhos; me empoderam, me movem, me motivam, me vitalizam e me fortalecem. Pois são meus, por isso têm força, são o projeto do meu futuro. Aonde quero estar, aonde me alojarei e aonde pretendo ficar por algum tempo.

Nesse futuro que projeto hoje através dos meus sonhos, muitos participam, assim eles ganham forças.

Se o sonho que tenho é parecido com o de algum ancestral posso tomar a força ancestral, mas se desconheço minha história familiar posso repeti-la e me frustrar ao retomar algo que não poderá se realizar.

Mas como distinguir os sonhos das ilusões?

Primeiro: me descubro, me conheço. Busco minha história familiar. Me desvendo e me reconheço nessas histórias.

Segundo: reverencio o que foi, como foi e aceito o destino dos meus antepassados.

Terceiro: ao descobrir meu sonho real, me conecto e contactuo com minha força ancestral. Busco parcerias e pessoas que possam me ajudar a manifestar meus sonhos.

Enfim sonhar sim, iludir-se não...

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Simone Sakamoto Vilela
Simone Sakamoto Vilela Seguir

Mestra Reiki Pedagoga Sistêmica Mulher Medicina Ancestral Filha, mãe e blogueira Adora viajar para lugares e para dentro das pessoas.

Ler conteúdo completo
Indicados para você