[ editar artigo]

UCEM - LIÇÃO 1

UCEM - LIÇÃO 1

Nada do que eu vejo neste quarto [nesta rua, desta janela, neste lugar] significa coisa alguma.

1. Agora, olha vagarosamente à tua volta e pratica aplicando essa ideia, de modo muito específico, a qualquer coisa que vejas:

Esta mesa não significa nada.
Esta cadeira não significa nada.
Esta mão não significa nada.
Este pé não significa nada.
Esta caneta não significa nada.

2. Então, olha além do que o que está imediatamente à tua volta e aplica a ideia a um âmbito mais amplo:

Aquela porta não significa nada.
Aquele corpo não significa nada.
Aquela lâmpada não significa nada.
Aquele cartaz não significa nada.
Aquela sombra não significa nada.

3. Nota que essas declarações não estão agrupadas em nenhuma ordem e não fazem nenhuma distinção quanto às diferenças entre os tipos de coisas às quais são aplicadas. Esse é o propósito do exercício. A declaração deve ser meramente aplicada a qualquer coisa que vês. Ao praticares a ideia do dia, usa-a com total indiscriminação. Não tentes aplicá-la a tudo o que vês, pois estes exercícios não devem se tornar ritualísticos. Apenas certifica-te de que nada do que vês seja especificamente excluído. Qualquer coisa é como qualquer outra no que concerne à aplicação da ideia.

4. Cada uma das três primeiras lições não deve ser praticada mais do que duas vezes por dia, de preferência pela manhã e à noite. Também não se deve tentar fazê-las por mais de um minuto, aproximadamente, a menos que isso implique em uma sensação de pressa. Uma sensação confortável de lazer é essencial.

 

 

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Tom Cau
Tom Cau Seguir

Facilitador MAHA DHARMA

Ler conteúdo completo
Indicados para você