[ editar artigo]

UCEM - LIÇÃO 67

UCEM - LIÇÃO 67

O amor me criou como ele mesmo.

1. A ideia de hoje é uma declaração precisa e completa do que tu és. É a razão pela qual tu és a luz do mundo. É a razão pela qual Deus te designou como salvador do mundo. É a razão pela qual o Filho de Deus olha para ti em busca da sua própria salvação. Ele é salvo pelo que tu és. Faremos todos os esforços hoje para alcançarmos essa verdade sobre ti e para reconhecermos inteiramente, mesmo que seja apenas por um momento, que essa é a verdade.

2. No período de prática mais longo, refletiremos sobre a tua realidade e a natureza totalmente inalterada e inalterável que lhe é própria. Começaremos por repetir essa verdade sobre ti e, em seguida, passaremos uns poucos minutos acrescentando alguns pensamentos relevantes tais como:

A santidade me criou santo. 
A benignidade me criou benigno. 
A ajuda me criou capaz de ajudar. 
A perfeição me criou perfeito.

Todo atributo que estiver de acordo com Deus, tal como Ele define a Si Mesmo, é apropriado. Hoje estamos tentando desfazer a tua definição de Deus e substituí-la pela Sua Própria. Nós também estamos tentando enfatizar que tu és parte da Sua definição de Si Mesmo.

3. Depois de ter refletido sobre diversos pensamentos correlatos tais como esses, procura deixar todos os pensamentos de lado por um breve intervalo preparatório e, então, tenta alcançar a verdade em ti que está depois de todas as tuas imagens e preconceitos sobre ti mesmo. Se o amor te criou como ele mesmo, esse Ser tem que estar em ti. E Ele tem que estar lá, em algum lugar da tua mente, para que O aches.

4. É possível que aches necessário repetir a ideia para o dia de hoje, de vez em quando, para substituir pensamentos que te distraiam. Também é possível que não aches isso suficiente e que precises continuar acrescentando outros pensamentos relacionados com a verdade sobre ti mesmo. No entanto, talvez tenhas sucesso em ir além disso e passar pelo intervalo da ausência de pensamentos até chegares à consciência de uma luz resplandecente na qual te reconheces tal como o amor te criou. Tem confiança de que farás muito hoje para trazer essa consciência para mais perto de ti, quer sintas, quer não, que tiveste sucesso.

5. Hoje será particularmente útil praticar a ideia para o dia o mais que puderes. Precisas ouvir a verdade sobre ti mesmo com a maior frequência possível, porque a tua mente está muito preocupada com autoimagens falsas. Seria muito benéfico lembrar-te, quatro ou cinco vezes por hora, talvez mais, de que o amor te criou como ele mesmo. Ouve a verdade sobre ti nisso.

6. Nos períodos de prática mais curtos, tenta reconhecer que não é a tua voz diminuta e solitária que te diz isso. Essa é a Voz por Deus, lembrando-te do teu Pai e do teu Ser. Essa é a Voz da verdade, substituindo tudo o que o ego te diz a respeito de ti mesmo pela simples verdade sobre o Filho de Deus. Tu foste criado pelo amor como ele mesmo.

 

 

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Tom Cau
Tom Cau Seguir

Facilitador MAHA DHARMA

Ler conteúdo completo
Indicados para você