[ editar artigo]

A ORFANDADE NO CONTO DE FADAS

A ORFANDADE NO CONTO DE FADAS

Eu sempre tive grande apreso pelo filme Tarzan e todo seu enredo, mas nunca tinha pensado na semelhança sistêmica entre a minha trajetória e a historia contada no filme.

Por muito tempo achei que eu gostava do filme por eu ter ganhado ele do meu pai antes dele falecer, mas, hoje, observo que existem  muitas coincidências entre ficção e realidade. 

No filme, um casal naufraga em uma ilha/floresta cheia de animais silvestres e constrói um abrigo para sobreviverem a nova realidade com um bebê. 

Infelizmente, o casal é assassinado por uma fera selvagem e o bebê sobrevive ao ataque e é salvo por uma gorila fêmea que teve seu bebê assassinado pela mesma fera. 

A gorila adota Tarzan e insere ele no seu grupo, sem que o macho alfa aprove.

Com isso, o menino é criado para sobreviver na selva, aprende a viver como um gorila e é rejeitado pelo pai adotivo.

Na fase adulta, Tarzan se depara com um grupo de humanos, se apaixona por Jane, tenta aprender a conviver com outros humanos, se distancia da sua família adotiva e acaba fazendo escolhas para poder pertencer ao grupo da mesma especie.

Analise sistêmica: Kala (mãe adotiva de Tarzan) teve seu bebê morto e, logo em seguida, salvou Tarzan, inseriu ele no grupo sem que houvesse consentimento por parte do seu parceiro e dos outros gorilas.

Ela cuidou de Tarzan e o criou para que ele pudesse sobreviver a realidade da selva, como uma mãe que cria seu filho para lidar com as adversidades do mundo.

Ao longo da história pode se observar que Kala adotou Tarzan como uma forma de substituir o lugar de seu bebê assassinado.

Tarzan cresce entre os gorilas e aprende a viver entre eles e como eles; mesmo não convivendo com humanos, ele desenvolve a fala e o andar ereto com facilidade ao conhecer Jane. 

Ao observar a dinâmica familiar, penso que a adoção do menino foi unilateral e ele fazia de tudo para ter a aprovação do pai e para pertencer ao grupo.

Ao se envolver com os recém chegados, Tarzan tem atitudes a favor do novo grupo para poder pertencer, mas acaba colocando em perigo sua família adotiva. 

Ao analisar a minha história, posso observar que meu pai, assim como os pais de Tarzan, foi assassinado em uma floresta por alguém que se dizia ser seu amigo.

Fui criada pela minha mãe, ela me criou para que eu "sobrevivesse" as adversidades da vida, e meu noivo é a Jane da minha vida rsrsrs, pois assim que o conheci eu tentei fazer de tudo para poder pertencer ao grupo familiar dele. 

#mod06 #pertencimento #contosdefada #tarzan #orfandade 

 

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você