[ editar artigo]

AMAR PODE DAR CERTO

AMAR PODE DAR CERTO

DADOS DO LEITOR

Nome completo: Maithê Luiza Girardello

Curso: 04

Data de Inscrição: 11/12/2020                

Data: 30/12/2020

DADOS DO EXEMPLAR LIDO

Título: Amar pode dar certo

Autor: Roberto Shinyashiki e Eliana Bittencourt Dumêt

Edição: 134                                        Local de Publicação: São Paulo

Editora: Gente                                    Ano: 1988

 

Qual a mensagem global que o autor deixou para você? Resuma em, no máximo, 4 linhas.

Que o amor é um sentimento a ser conquistado. Não é um conto de fadas, como os filmes vendem, contudo, também não é desastroso. O amor deve ser trabalhado todo dia. Amar é uma escolha e só conseguimos amar, quando nos permitimos viver.

 

A partir do que você leu, enumere 10 dicas para você criar excelência para sua vida.

Amar é escolha. Diária e contínua.

Nunca encontraremos um par perfeito. As imperfeições existem e são necessárias à evolução

O amor é linear, contrariamente à paixão, que é cíclica. Entretanto, a linearidade não significa que estaremos radiantes todos os dias de nosso relacionamento. E é aí que mora o grande amor.

As relações extraconjugais atrapalham o nosso relacionamento. Aquele que trai, não está inteiro e disponível para viver o amor.

Não precisamos estar sós para fazermos aquilo que queremos. Quando há amor, o outro sempre irá entender e desejar a felicidade do par amado

A intenção de controlar o relacionamento demonstra que, inconscientemente, há medo e insegurança impedindo a entrega dos sentimentos

É necessário diálogo no relacionamento. Quando algo nos incomoda, ao invés de fugir e gritar, precisamos ser respeitosos e comunicar aquilo que nos aflige

Admiração, respeito e confiança são os pilares de um relacionamento saudável

A paixão é passageira. É ilusão desejar que ela seja eterna. No entanto, quando ela passa, dá espaço para algo muito maior surgir.

O sexo é um elemento primordial do casamento. Para que seja bom para ambos, deve haver entrega, confiança e admiração.

 

Considerando a realidade onde vive, o que você aplicou, imediatamente, assim que leu? (Qual tópico, qual ideia? - cite o capítulo, página e a ideia).

Amar é uma escolha contínua e diária e, para que o amor dê certo, é necessário que ambos os nubentes tenham admiração, respeito e confiança mútua. Entendi isso a partir do capítulo “o amor está dentro de você”, na pag. 79 do livro. A ideia central é entendermos que sem um desses pilares (confiança, admiração e respeito), o amor não será efetivo. Isto porque, toda pessoa gosta de ser admirada, ainda mais pelo par amado. Todos gostamos de ouvir: “Como você é linda!”. A admiração apimenta e sustenta o relacionamento. O respeito, da mesma forma, é necessário. Se não respeitarmos e falarmos tudo aquilo que quisermos, certamente magoaremos e deixaremos ferida na pessoa amada. Confiança, da mesma forma, é imprescindível. Se não houver, o relacionamento não terá base para seguir em frente e se desgastará num piscar de dedos. 

 

O que você transformou em si mesmo com a leitura deste livro?

A principal transformação foi entender que amar é uma escolha, através da qual, todos os dias, nos lembramos o porquê de estarmos com aquela pessoa, apoiando, acreditando, dividindo os anseios e conquistas. Embora não seja tarefa fácil, pois, as vezes, quando os problemas surgem a vontade é de fugir, eu compreendi e aceitei que para o amor dar certo, sou eu quem preciso acreditar e fazer acontecer.

 

Quais as mudanças que você se compromete em tornar real a partir desta leitura?

Primeiramente, a lembrar que os pilares do relacionamento são a confiança, a admiração e o respeito. Além disso, comprometo-me a deixar a resistência e a entregar os meus sentimentos, deixando-os fluir, naturalmente. Prometo que criarei, dia após  dia, o relacionamento dos meus sonhos.

 

Se você encontrasse o autor do livro, o que você diria a ele?

Eu diria que sou muito grata por terem escrito este livro com tanto amor e dedicação, por terem acreditado na humanidade e na sua capacidade de construir o amor que sempre sonharam. Eu, como uma boa canceriana, sempre tive facilidade em me entregar, mas, depois de muitos tombos, comecei a controlar os meus sentimentos, na triste angústia de acreditar que, mais uma vez, seria machucada. No entanto, depois de ler esse livro, entendi que não preciso ter medo. O amor é uma escolha e deve ser construído diariamente.

 

Enumere 3 pessoas para as quais você sugeriria este livro e justifique.

Audrey, pois possui muitas resistências e bloqueios sobre entrega e confiança, o que a impede de construir e manter um relacionamento sadio.

Patrícia, pois não consegue se entregar verdadeiramente ao amor, escondendo “seus defeitos” pelo medo da rejeição.

Luciana, pois também tem muita dificuldade de entrega e confiança, controlando seus sentimentos para ser “a pessoa ideal”.

 

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Maithê Luiza Girardello
Maithê Luiza Girardello Seguir

Advogada, protetora dos animais e apaixonada pelos saberes sistêmicos.

Ler conteúdo completo
Indicados para você