[ editar artigo]

CARTA AO MEU PAPAI: MATEUS DA ROCHA EVANGELHO

CARTA AO MEU PAPAI: MATEUS DA ROCHA EVANGELHO

Querido PAPAI;

Há muito estou para lhe escrever estas linhas, mas por algum motivo não era o tempo, mas hoje senti que o deveria fazer, independentemente da data comemorativa “Dia dos Pais”.

É Papai, nesta semana que passou você teria completado 81 anos, sim, desde 1990 você nos deixou. É ... desde o ano de 1990 você “desistiu de continuar entre nós”, quando por consequências de complicações cardíacas você se foi, talvez pela demora de ser levado ao hospital !?!? Enfim, para nós que aqui ficamos, precisamos achar um motivo, mas o verdadeiro motivo você levou consigo e por fim tudo se acabou, como DEUS assim determinou.

“A Rosa quando está linda e formosa no jardim, alguém vem e a leva ...”
Para você, fisicamente, tudo se findou, mas a vida precisa continuar... e hoje quero que você saiba que muitos anos já se passaram, sim, 31 anos se foram, e nesse tempo todo o “casamento” que você abençoou, há mais de 33 anos, continua firme e cada vez mais fortalecido.

Dessa união, resultou duas lindas filhas, suas netas, que você não esperou para conhecer, mas saiba que, vez em quando, vejo os seus trejeitos nelas, não só pelas características físicas, mas também por atos, gestos e formas de agir. Sinto você bem presente, é a força do DNA.

Lembro, que no dia do meu matrimônio, você tomado por uma força divina, nos abençoou e ensinou: "Meus Filhos, guardem e levem para suas vidas: O SENHOR É O TEU PASTOR E NADA VAI FALTAR PARA VOCÊS”. Saiba que estas palavras sempre se mostram presente em nossa vida, quando achamos não haver mais saída, lembramos de suas palavras e o milagre sempre acontece.

Saiba que tudo o que você me ensinou, seja através de palavras, exemplos, ou pelas chineladas, palmadas, cintadas... tenho-o mantido vivo e presente em minha vida, pois você sempre foi e será um exemplo de vida. PAPAI, você sempre será O Meu Herói.

Ainda lembro dos seus conselhos: “Você precisa trabalhar desde cedo, para ser alguém na vida.”, “Cuidado com as amizades, meu filho, nem sempre quem diz ser seu amigo quer o seu bem”, “Um homem precisa ter a sua casa, aluguel é uma dívida eterna”, e muito mais... Tenho vivo na memória as muitas vezes que levamos o que tínhamos em casa para os que precisavam, pois você tinha certeza que no momento seguinte DEUS enviaria seus anjos e nada iria faltar para nós.

Neste momento, me vêm muito claro à memória o dia em que lhe encontrei no meio da rua chorando, pois naquele momento não poderia mostrar fragilidade por uma situação que alguém de casa lhe deixou muito triste e por isso você não queria mais voltar para casa, pois achava que não tinha ninguém que o amasse. Após conversarmos, nos abraçarmos, e pelo amor, você mudou de ideia, me ensinando que sempre podemos dar um passo para trás e recomeçar.

Prometo!

Em breve nós iremos realizar um sonho seu, que não foi concretizado por ter se “obrigado” a dar prioridades aos filhos, esposa, igreja e tudo mais, abdicando de si e de suas necessidades de curas internas. Voltaremos para a sua pátria mãe, Portugal, pois, você merece rever tudo o que na sua adolescência ficou para trás, talvez não por vontade própria, mas pela necessidade do momento.

Agora, já como homem, e responsável pelas minhas atitudes e atos, levo você no meu DNA e em meu coração, e te libero de tudo. E o que me faltou, agora eu dou conta. Agradeço pela vida e por tudo o que fez por mim. Você permanece como “o grande – o meu pai”, e tomo você e tudo o que recebi de você, como seu filho querido. 


Querido papai ...


Do seu “Celo” (assim como me chamava em casa).

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você