[ editar artigo]

CARTA AOS ANTEPASSADOS

CARTA AOS ANTEPASSADOS

 Gratidão ao meus antepassados maternos e paternos pelas vivências boas e pelas vivências sofridas, reconheço toda a dor das lutas e batalhas travadas ao longo dos anos, sinto as suas dores e curo todos os emaranhamentos existentes no nosso sistema familiar. 

 Sou grata, por toda a energia vital, que foi possível chegar até a minha concepção e geração, a todos os traços de ancestralidade que já reconheci e os que ainda não identifico.

 Identifiquei suas origens como sendo indígenas, italianas, portuguesas e espanholas, e na convivência com meus avós, descobri que havia muito mais deles em mim, do que eu poderia imaginar.

Resolvi compartilhar, o que aprendi:

Com os meus pais, aprendi a ser honesta;

Com a minha mãe, aprendi a ser indulgente;

Com minha vó materna Carmem, aprendi a amar e rezar;

Com minha vó paterna Dilma, aprendi a cozinhar sobremesas, esfirras, agnolini, a ser ranzinza;

Meu avô materno Élio, aprendi a ser simpática e educada;

Meu avô paterno Tobias, que nós o chamávamos de Lelé, aprendi a curar as pessoas;

Com meu bisavó Materno Francisco, aprendi a gostar de festas e reuniões;

E por fim, da minha Bisavó Dalva, herdei o sorriso e a risada.

Vejo que tiveram muitas limitações e sofrimentos que reverberam na minha vida hoje, mas nesse instante, eu vejo, curo e devolvo tudo que é de vocês e sigo o meu caminhar com o que é meu.

Recebam a minha gratidão, respeito, admiração e amor por todo o trajeto de vida de cada antepassado no meu sistema, me dando a possibilidade de estar aqui hoje.

Sou grata por cada um de vocês, meus queridos ancestrais, e busco ter uma vida plena, saudável, feliz, harmônica, com muita paz e amor em todos os setores da minha vida, para honrar as suas existências e agradecer por tudo que passaram.

#conclusão   #mod01

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você