[ editar artigo]

CARTA AOS ANTEPASSADOS – AOS ENTES-QUERIDOS, BOAS NOVAS

CARTA AOS ANTEPASSADOS – AOS ENTES-QUERIDOS, BOAS NOVAS

Esta carta redigi à vocês, avós paternos, Aparecido Ferreira de Souza e Belina Clarismundo, e à todos aqueles dos sistemas presos em emaranhamentos.

Queridos avós,

Onde quer que estejam quero que saibam que me sinto extremamente grata e honrada por tê-los comigo o tempo todo e por vocês terem nos cedido e permitido a vida.

Começo contando que ao estudar constelações sistêmicas imediatamente obtemos alguns insights, nomes e sentimentos em nossa mente e coração, não podendo ficar vocês de fora.

Ao me recordar do pouco que me contavam sobre suas lutas diárias, hoje com mais maturidade e olhar empático, posso dizer que eu lhe entendo, pois calcei os seus sapatos e agora vejo que, naqueles tempos e circunstâncias impostas pelos sistemas e sociedade, fosse realmente difícil sobreviver às dificuldades da vida, sendo elas perda precoce de entes-queridos, abortos espontâneos recorrentes, exploração infantil; mudança da qualidade de vida e o pior de todos, a separação de laços pelo destino de cada envolvido.

Diante de tantos acontecimentos, concluo que tudo ocorreu conforme permitido, lamento pelas dores carregadas até a morte, afinal infarto é tristeza, coração partido. Lembro-me das palavras de cada um de vocês nos últimos dias de vida e, como neta e cuidadora de avós, sempre soube que apesar de ocupar a ordem de um de seus filhos nos cuidados remetidos, não me arrependo de nada, afinal, tenho um coração bom e devo também servir ao máximo e ser útil aqueles que necessitam de cuidados.

Confesso que alguns ainda irão lhe chatear, pois falta compreensão dos princípios sistêmicos e para estes só podemos enviar pensamentos positivos e deixar que façam suas escolhas, tendo então a oportunidade de aprender pela dor ou pelo amor. Espero que seja por este último.

Nossa conexão ultrapassa os campos mórficos e ainda há quem duvide, porém, coitados destes que não puderam observar que os vínculos, mesmo quando interrompidos, não sofrem as ações do tempo, eles irão perpetuar em algo, alguém ou qualquer outro meio de nos informar de, sobre e como.

Através dessa nossa ligação, do tipo telefone sem fio, eu gostaria de lhes dizer que podem descansar em paz e continuar me informando. Prometo que tudo aquilo que é ruim, no que eu puder auxiliar, será transformado, pois sabemos que tudo aquilo que nos foi tirado dará um jeito de nos chegar novamente, ainda que seja num outro alguém, interligando-nos. Afinal, o amor constrói pontes indestrutíveis. 

Saibam também que a escassez de alimentos pode ser suprida agora, e que toda perda pode ser reparada e concedida, através dos legados que vocês nos deixaram: força para o trabalho; sabedoria na tomada de decisões e da nossa caridade, que não seja por ego, beneficiamento próprio, mas sim, de devolver e compartilhar os excessos com nossa comunidade, para que quando puderem façam também por outros.

Também lhes digo hoje que a ideia machista e pessimista sobre as mulheres do nosso ciclo foi rompida e sou a prova viva e orgulho tão almejado por avós que não puderam ter uma filha, mas ainda melhor, tiveram uma neta, sendo a 1ª mulher dos seus a se formar, tornando-se nutricionista e formando-se também em constelação sistêmica, sendo ainda a primeira de muitas que estão por vir a fazer suas próprias escolhas, rompendo os padrões.

Assim, me despeço contando novas e boas:  Hoje as saias já não são tão longas, os cafés são os homens que nos servem, já não vivemos em função do lar, expandimos a mente trazendo novos horizontes.

Ps.: O Gael em Fev/2022 fez 3 anos e, apesar de tão pequeno, carrega muito de vocês, queridos "Bisos".

Gratidão por todo incentivo, palavra amiga e toda sabedoria deixada! Amo vocês!

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Andressa Ferreira de Souza
Andressa Ferreira de Souza Seguir

Me chamo Andressa Ferreira de Souza. Sou casada e tenho um lindo filho chamado Gael. Amo a vida e a liberdade e como Cazuza dizia: Você está vivo. Esse é o seu espetáculo. Só quem se mostra se encontra . Somos todos um universo de possibilidades

Ler conteúdo completo
Indicados para você