[ editar artigo]

CARTA AOS MEUS ANTEPASSADOS

CARTA AOS MEUS ANTEPASSADOS

Caros antepassados,

Sei que muitos de vocês vieram de um local muito distante e que devem ter passado por vários problemas e dificuldades até chegarem aqui.

Minha avó materna sempre falava do pai com o sentimento de falta, pois não chegou a conhecê-lo, pois você morreu na última viagem em que voltava da Itália, e teve o seu corpo jogado ao mar, deixando aqui no Brasil, a bisa com dois filhos homens já nascidos e minha avó no ventre da mãe.

Imagino na época as necessidades e saudades sentidas. Imagino biso a sua aflição quando ficou doente no navio e via que não conseguiria concluir a viagem de volta. Sinto pelo senhor uma grande gratidão e sinto sempre, principalmente nos períodos de aflição, a sua presença junto a mim. Sinto-o tão perto que às vezes me pego conversando com o seu espírito, espírito de luz, que sempre esteve muito presente em mim.

A bisa não a conheci, mas por tudo que fez sozinha pela educação dos seus filhos, deve ter sido uma grande mãe batalhadora e sempre presente. O carinho e o seu amor transbordaram na minha avó.

Meus avós maternos sempre estiveram presentes na nossa vida e com eles convivi por muito tempo e sem dúvidas nos trouxeram e nos marcaram com grandes aprendizados, e muito do que sou hoje devo a estes avós. Minha avó, mesmo sendo de família italiana, nos seus momentos de brabeza sempre terminava com carinho, tenho por eles muita gratidão.

Meus avós paternos quase não convivi, pois quando nasci o meu avô já havia partido e a minha avó que morava numa fazenda, só a via nas férias escolares. Autêntica portuguesa, com seus lindos olhos azuis, nos acalentava nos momentos de travessura e brigas com os primos: lembro-me com muito carinho da senhora.

Dos pais de vocês soube muito pouco, mas estou à procura de mais informações. Meu pai não falava muito sobre a sua família e hoje vejo que também nós não nos interessávamos.

Gratidão a todos vocês que nos orientavam e nos incentivavam a estar sempre em busca de melhorias na nossa vida. 

A vocês e a meus pais: gratidão eterna por terem permitido e incentivado a sempre estarmos procurando o nosso crescimento. Sei que consegui nesta caminhada dar grandes passadas e conseguir grandes conquistas, tanto na vida profissional, como na vida familiar, graças a vocês.

Minha gratidão eterna.

Apesar de ser a segunda filha de cinco irmãos nascidos e dois perdidos, reconheço e agradeço o carinho de todos vocês por mim.

Gratidão, gratidão, gratidão!

 

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você