[ editar artigo]

CARTA AOS MEUS ANTEPASSADOS

CARTA AOS MEUS ANTEPASSADOS

Queridos antepassados,

Sinto em meu coração um desejo enorme de reverenciar cada um de vocês e dizer que hoje eu vejo todas as lutas travadas por cada um de vocês, cada um na sua especificidade, alguns de vocês no deslocamento de sua pátria mãe, outros arrancados do seu habitat natural, na labuta e cuidado com a terra para o sustento da família.

Eu imagino o suor derramado trabalhando a terra para o sustento da família.

Alguns de vocês se aventuraram no comércio mercante, no trato e tecelagem do algodão, no arar, tratar e plantar a terra. Eu chego a imaginar o labor de cada um e cheguei a chorar com meu pai quando retornamos no local onde vocês se instalaram no campo, hoje praticamente inabitado, mas cheio de vida e boas lembranças.

Me identifico com lugar onde nasci e de onde fui embora muito pequena, mas é como se eu ainda fizesse parte daquele lugar. Eu ainda trago as boas lembranças dos tempos que passava férias lá quando criança e ouvia muitas histórias sobre vocês e meu coração se enchia de felicidades, afinal era a melhor forma de resgatar minhas raízes.

Eu sempre carreguei e transmiti boas lembranças das histórias de vocês. Hoje meu filho caçula busca nossas origens e me ajuda na busca da nossa árvore genealógica e nesta busca, tentamos visitar cada caminho trilhado por vocês para sentir um pouco da presença de cada um e, assim, matar a fome de saber um pouco mais sobre nós mesmos, pois somos partes de vocês. 

Alguns de vocês foram discriminados pela origem, outros se esconderam ou foram embora e nunca mais apareceram não se sabe o porquê, mas hoje eu entendo o agir de cada um e vejo o quanto vocês agiram da melhor forma que entendeu e está tudo certo. Só tenho gratidão a cada um que conheci a história e também aos que foram excluídos do sistema, que eu nem sei quantos ou quem são, mas que faz parte da minha história.

Quero dizer que vocês carregaram um fardo muito pesado e eu reconheço que deram o melhor e que foi o suficiente para eu me tornar a pessoa que sou.

Vocês podem descansar com a certeza do dever cumprido.

Já carreguei algumas lembranças pesadas sobre alguns de vocês pelas histórias contadas, mas hoje eu me libertei dos pensamentos bobos e infantis e libero os melhores sentimentos de amor e ternura.

Vocês já cumpriram os papéis que cabia a cada um e podem descansar em paz.

Gratidão a todos, aos que conheci e aos que vieram muito antes de mim, e especialmente aos meus pais que me deram a vida e me educaram à sua maneira, mas foi a justa forma que eu necessitava para me tornar a pessoa que sou.

Gratidão.

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você