[ editar artigo]

CONSTELAÇÃO COMO ESTILO DE VIDA

CONSTELAÇÃO COMO ESTILO DE VIDA

Poder olhar para minha vida e ter percepção.

Olhar para mim e entender o porque de tanta tristeza  e doenças.

Não me sentia amada e muitas eram as angustias, sempre pegava o sofrimento do outro.

E hoje, aos meus 56 anos, não imagina fazer um curso com Olinda, não poderia ter me dado  melhor presente que esse.

Fui descobrindo caminhos para a cura; muitos insights, como diz a Olinda, quanta coisa linda eu ouvi.

Quando constelei aprendi a olhar para os meus antepassados com muito amor; quando começou, a Olinda pediu para colocar  atrás dos ombros nossos pais, o pai atrás do meu ombro direito e a mãe do meu lado esquerdo e seguindo assim com os avós e todos atrás. 

Eu chorava muito ao lembrar de meu pais e conseguia sentir eles e me emocionei muito.

Hoje já não choro e não saio de casa sem convidar eles pra ir comigo, como me ensinou a Olinda.

Isso me ajudou muito  a me curar da orfandade que eu sentia e a importância de conhecer meus ancestrais.

Foi tudo muito lindo. As descobertas dos meus avós e todos; eu os inclui no meu sistema.

Ao agir assim percebi uma grande mudança na minha vida e na minha família; hoje consigo entender o porque de tanta dificuldade que tinha, consigo enxergar e buscar a cura.

A Olinda sempre diz o amor traz de volta e eu estou a caminho.

Ainda tenho muito que aprender, mas já posso ajudar minha família, e incluir todos os que estavam excluídos, dando seu lugar por direito.

Nunca olhei para mim como olho agora; estou me curando.

Agora entendo os sofrimentos.

Ninguém pode dar o que não tem.

Estou aplicando no meu dia a dia o que estou aprendendo  e sigo sempre afirmando: fiz da constelação meu estilo de vida.

Como é bom. Estou sempre constelando, seja no trabalho, ou em qualquer lugar, sempre atenta, ouvindo tudo para me completar e olhar ainda com mais estado de presença para onde necessito de cura.

Quanta calmaria tudo isso me trouxe,  para mim e para a minha vida.

Muita gratidão a Deus pela oportunidade de conhecer a Olinda e poder fazer esse curso.

Por enquanto ainda não sou terapeuta,mas quero fazer mais cursos e servir as pessoas com muito amor. 

Vejo a constelação em tudo, observo as pessoas falarem , observo seus gestos e fico procurando a solução, querendo ajudar.

Posso dizer que me tornei uma pessoa mais atenta, calma e paciente.

Claro que ainda tenho muitos livros para ler  para não esquecer nenhum aprendizado.

Tenho consciência que só ajudo na cura do outro quando o mesmo for curado em mim; ninguém dá  o que não tem.

E também aqui não poderia deixar de contar a alegria de ver os relatos dos colegas.

Quanto aprendizado vindo de todos; quanto amor e também as minhas queridas colegas que encontrei nesse caminho; nós formamos um grupo e nele estou aprendendo muito com elas é muito amor envolvido.

Só me cabe dizer aqui que tenho muita gratidão por tudo, a Olinda e ao amor que ela passa quando da suas aulas.

Sou grata também a toda equipe, Suzi que fala com tanto amor da palavra de Deus, Sizumi sempre com muita atenção, me indicou floral na hora que precisei.

Gratidão também a irmã Neiva e as músicas do Jair que tocam sempre na alma da gente gratidão, gratidão.

Lembrando também das músicas da Alice que amo de paixão, as músicas italianas que ela canta me fazem sentir como se eu voltasse ao passado e a nossa querida Márcia sempre nos dando atenção,  gratidão.

Vocês mudaram meu modo de pensar de viver e eu fui transformada.

Estou podendo ser mais feliz e ajudar as pessoas ao meu redor a serem mais felizes, mas tenho consciência  que estou no processo e a caminhada não acabou.c

Sei que cabe a mim dar continuidade e colocar em prática tudo que aprendi  nessa etapa da minha vida; sempre digo que fiz da constelação um estilo de vida.

Agora eu sei. 

Há um ditado, só se ama aquilo que se conhece. Agora eu sei a partir dessa frase o que significa.

Através desse curso, amo muito mais as pessoas da minha família.

Precisamos seguir nosso coração, o campo sempre informa na hora certa.

Agora eu conheço um pouco da minha história e quanto sofrimento percebi e ainda preciso olhar para muitas coisas que precisam de mudanças e curas no meu sistema.

Agradeço a todas as descobertas e aprendizado; aprendi muito com a família da Escola Real, de muitos alunos, onde todos se importam com cada um e também não poderia esquecer da minha colaboradora Ana Paula Gomes que ajudou e está me ajudando na digitação; ainda sou um pouco analfabeta nessa tecnologia digital, sou muito grata a você.

Gratidão Família da Escola Real  e ao meu filho Toni que me incentivou.

Os Amo como nunca Amei.

#relatodeconclusãodecurso

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ler conteúdo completo
Indicados para você