[ editar artigo]

CONCLUSÃO DO MÓDULO 7 - O INCOMPREENSÍVEL E AS NOITES ESCURAS DA ALMA

CONCLUSÃO DO MÓDULO 7 - O INCOMPREENSÍVEL E AS NOITES ESCURAS DA ALMA

 Podemos dizer que as noites escuras da alma, são épocas da nossa vida que mergulhamos em um sofrimento provocado por  uma memória pessoal ou transgeracional.

Algum estímulo, dispara uma memória  transgeracional, que passa a nos causar sofrimento. Algo que anteriormente era visto como corriqueiro, normal, passa a ser percebido  de forma diferente  e a causar sofrimento.

As noites escuras da alma chegam para todos nós, mesmo que não a desejemos, não podemos evitá-las, podemos  apenas nos preparar para enfrentá-las com mais compreensão e mais humildade.

Se manifestam por  sintomas  aumentados,  desproporcional ao contexto vivido pela pessoa. Podem se manifestar como  respostas neuróticas, onde a pessoa sabe o que está acontecendo, mas não tem controle sobre isso,  como o medo excessivo, ou como respostas psicóticas, que é ocasionada  por  memórias  traumáticas graves, envolvendo o limiar da vida e da morte em gerações anteriores. A esquizofrenia é um exemplo de psicose.

Normalmente o fato traumático, de grande dor e sofrimento, que origina as psicoses que ocorreram 2 ou mais gerações anteriores. Devemos ter a consciência que a pessoa  com uma psicose está carregando muito para o sistema dela.

Podemos considerar que as noites escuras da alma são oportunidades de mudança, de transmutação.

Olinda nos diz que grande parte daquilo que nos acontece na vida não depende da gente. Depende  daquilo que fizeram anteriormente nossos ancestrais, nossos trisavós, bisavós, avós. Nós estamos colhendo os frutos do que  eles realizaram. Entretanto, a  vida de nossos  filhos, netos e bisnetos estão sim relacionadas com as nossas atitudes aqui e agora.

Como lidar com as noites escuras?

Vimos que as noites escuras da alma, são sofrimentos ocasionados por memórias transgeracionais  que para serem acessadas basta ter um mínimo de similaridade com um fato da vida atual da pessoa para disparar essa memoria traumática que aconteceu a muitas  gerações  e agora são tocadas para que possam ser transformadas e curadas deixando livre desse sofrimento e dessa memoria, as gerações futuras.

Nós conseguimos transitar pelas noites escuras e encontrar a luz divina quando perseveramos, se mantém humilde, e busca ajuda para identificar o propósito dessa noite escura.

Soluções ou Luz Divina

Bert Hellinger  diz : que toda noite escura carrega em si uma Luz Divina.

Precisamos da ajuda do  terapeuta sistêmico , especialista em doenças mentais, para identificar no sistema,  um fato traumático, que possa gerar reações como essa que a pessoa está tendo e, a partir dai, procurar curar a pessoa dando à ela o conhecimento  de que isso que acontece com ela hoje, está relacionado a fatos ocorridos em gerações anteriores, e não diz respeito à ela. Dar à ela a consciência de que ela está trabalhando para a cura do seu sistema.

 A luz divina dentro das noites escuras  é a caridade, a compaixão e  a empatia.

Dislexia, Autismo e Gagueira

A dislexia pode ser considerada como uma forma diferenciada de perceber a realidade.

A dislexia, o autismo e a gagueira são consideradas noites escuras na alma.

Bert Hellinger dizia: existe a psicose em si, a gagueira e a dislexia, são condições também de esquizofrenia, de noites escuras da alma. Precisamos de uma intervenção terapêutica sistêmica, de constelar para que essas condições que estavam em aberto no sistema se curem.

Precisamos olhar com compaixão e amor as pessoas que carregam neuro especificidades. Essas pessoas fazem tudo pelo seu sistema, estão ali oferecendo sua vida, sua locomoção, sua sanidade mental, para que as próximas gerações do seu sistema possam se tornar livres dessas memorias traumáticas ,  enquanto o seu sistema, as vezes não fazem quase  nada por elas.

Sexualidade e  Afetividade.

A sexualidade é o portal  da vida, é a força da vida.

A sexualidade é o empoderamento da vida, pois por meio da sexualidade e dos hormônios reprodutivos passamos a vida adiante.

Pode existir muito sofrimento relacionado a sexualidade da pessoa e os consideramos a noite escura da alma. Essas pessoas precisam da ajuda de um terapeuta para tentar curar esses problemas.

Consideramos a sexualidade a luz Divina e um sofrimento da sexualidade a noite escura da alma.

Sexo precisa ser mesclado com amor e afetividade. A afetividade equilibrada pela sexualidade significa, eu  te aceito, eu preciso de você, e eu me rendo.

A afetividade em equilíbrio com a sexualidade faz com que a vida vá bem, siga adiante.

A boa e a má culpa

Bert Hellinger diz que a má culpa é quando  a pessoa fica chateada, aborrecida em pensar que tem de alguma forma, responsabilidade pelo fato de alguma pessoa de sua família carregar consigo um sofrimento, uma noite escura da alma.

A má culpa não leva a pessoa a lugar nenhum, ao contrário, ela vai sempre procurar descartar a sua responsabilidade com o sofrimento desse familiar.  A má culpa, nos torna cego, não nos deixa perceber que fazemos parte do sistema e, que deveríamos honrar e agradecer a essa pessoa que está fazendo muito pelo seu sistema.

A boa culpa é justamente o contrário. É o fato de olharmos para o nosso ente querido que carrega esta noite escura e, reconhecermos que ele está fazendo  isso por todos nós, e que através do sofrimento dele, eu  estou livre para viver a vida. Reconhecer com humildade  e ter gratidão para com o outro,  nos faz criar facilidade para a vida dessas pessoas especiais que carregam essa noite escura pelo seu sistema.

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Ieda Maria Athayde Peixoto Sol
Ieda Maria Athayde Peixoto Sol Seguir

Tenho 62 anos, sou casada, tenho 3 filhos e 6 netos. Moro em Eunápolis, Bahia. Sou enfermeira mas atualmente em licença, o que tem me permitido viajar para a fazenda ou para visitar minha Mãe Tenho buscado e investido no meu crescimento espiritual

Ler conteúdo completo
Indicados para você