[ editar artigo]

PROFISSÕES DO MEU SISTEMA

PROFISSÕES DO MEU SISTEMA

Na minha família existem muitos comerciantes e mecânicos (avô, bisavô, trisavô paternos), delegado (bisavô materno), agricultores (avôs, bisavôs e trisavôs materno), músicos, costureiras e mulheres muito dedicadas ao lar. Muitos membros do meu sistema se dedicaram as artes, como passa tempo.

Meu pai era comerciante, juntamente com meus tios. Dedicaram-se ao comércio de auto peças, os que não faziam parte da sociedade, eram caminhoneiros. O meu avô paterno faleceu muito jovem, com apenas 36 anos, era comerciante bem sucedido, tinha armazém de secos e molhados em uma localidade pequena no Rio Grande do Sul, era muito criativo, buscava mercadoria em outras cidades e também dos colonos da região.

Minha avó estava grávida de meu pai de 6 meses e ainda tinha mais 7 filhos, somente 1 mulher. Todos foram para a mercado de trabalho muito cedo, pois não souberam cuidar do armazém, eram muito jovens.

Meu pai foi o único que estudou, saiu do Rio Grande aos 19 anos e foi morar em União da Vitória, em 5 anos já abria juntamente com meu tio Menno, uma Auto Peças. Minha avó paterna dedicou se ao lar, cuidou dos seus filhos e netos, sempre muito dedicada, fazia os serviços caseiros sem nunca reclamar, amava muito cuidar de sua família.

Cuidava dos netos com muito amor, como se fossem seus filhos.

Minha mãe, filha de costureira e de mecânico. A avó materna, ao casar levou em seu enxoval uma máquina de costura, que por muitos anos ajudou financeiramente com o feitio de roupas femininas e calças de alfaiataria para homens.

Meus avós maternos chegaram a ter em Curitiba, juntamente com o meu tio Arnildo, uma malharia, onde o casal produzia e o tio saia pegar e entregar pedidos nas lojas.

Minha mãe Estudou em colégio de freiras, aprendeu a costurar, bordar, e aos 13 anos formou-se em Acordeon. Quando saiu de Caçador aos 15 anos e foi morar em União da Vitória, começou a lecionar, tinha muitos alunos, chegou a abrir uma escola de Acordeon.

Meu pai, o menino que teve sapatos somente com 9 anos, que aos 13 anos precisava subir em um banquinho para alcançar o balcão da Auto peças onde trabalhava, encontrou minha mãe. A menina que com 13 anos já se sustentava sozinha com sua música. Ambos construíram um pequeno império e conseguiram ter a vida que sonharam profissionalmente e financeiramente.

Eu fui comerciante por 25 anos e professora de pintura, foi meu pai que me presenteou com a loja de artesanato e ateliê de pintura e minha mãe sempre me incentivou pelas artes.

Estudei desde os 7 anos piano e pintura. Então quando ganhei a loja eu me realizei, porém, com o passar dos anos,  senti que precisava estudar, ter mais conhecimento de Arte e, aos 43 anos fui fazer faculdade de Artes Visuais, passei em concurso público para professora do Estado do Paraná, lecionei por 7 anos, e durante estes anos eu fiz pós graduação em Arteterapia, Reiki, Barras de Acess e Constelação Sistêmica.

Hoje estou de licença sem vencimento do Estado e estudando muito, estou fazendo o segundo curso de constelações, florais de Bach e desenho sistêmico.

Meu caminho profissional hoje com 56 anos é ser terapeuta e ajudar muitas pessoas a serem felizes. 

#mod05

          

 

Constelações Sistêmicas

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Eliziane Schaefer Buch
Eliziane Schaefer Buch Seguir

Artista Plástica, professora de Arte da Seed Paraná, Arteterapeuta, Reikiana, Consteladora sistêmica e Facilitadora de Barras e Acess

Ler conteúdo completo
Indicados para você