[ editar artigo]

A DONA FELICIDADE COMPLETA 52 ANOS OLINDA GUEDES – 04/06/2021

A DONA FELICIDADE COMPLETA 52 ANOS  OLINDA GUEDES – 04/06/2021

Quem vem lá?

Ah, é a Dona Felicidade!

Mas essa não é aquela que fala de amor, ensina como viver e como amar?

Isso. Ela mesma.

Então porque chamá-la de Dona Felicidade?

 

Por quê? Olha para os olhos dessa criança.

Espoleta ela vem aos saltos, cantarolando,

O que você sente quando olha em seus olhos de essência de anjo e

vê esses cabelos encaracolados, soltos ao vento, desafiando o espaço?

 

Ah, eu fico feliz.

Pois. Ela é o que?

Mensageira da Felicidade.

Que vem de onde?

Do amor que ela ensina e pratica?

Pois.

 

Ah, olha ela olhando entre a plantação de algodão.

Olha para o horizonte.

Que será que vê? Está sorrindo.

Olhou para o céu, viu o avião.

Vai estar lá um dia. Em breve.

Lá no infinito, tanto para a frente quanto para o alto.

 

E foi. Ela foi!

 

A menina vem.

Crescida, a Dona Felicidade continua pulsante.

Menina, moça, mulher.

Filha, irmã, aluna, namorada, esposa, amiga.

Tia, madrinha, comadre,

Amante de amores da natureza.

Apaixonada. Amante de todos os seres e não seres.

 

Proprietária que trabalha de mãos dadas com todos

Professora, Mestra e continua a ensinar Amor e como amar.

É a Dona Felicidade, mestra na arte de ensinar.

 

Acolhedora, amorosa em tudo o que faz,

Mãe, guardiã, leoa na sua essência. Companheira leal e protetora.

 

E de repente a mulher fica séria e olha no fundo de nossos olhos,

A sua menina interior se assusta consigo própria.

Ela diz que não está brava, só está centrada.

 

Acolhe e, exigente, chama.

Impossível não se dar conta, porque ela inflama.

Ela é forte! Marca presença!

 

Gigante, fala:

Voces entendem o que estou falando?

Estamos juntos até aqui?

 

Porém, a menina serelepe está à espreita e, um leve descuido da adulta funcional, ela reaparece.

Divertida, bem humorada.

Dá para ver seus cabelos ao vento, ela olhando estendendo um caderno e um lápis em nossa direção e perguntando:

O que é preciso para ser feliz?

Pergunta para ver se aprendemos, porque ela tem a resposta.

 

E dá para ouvir sua voz firme, assertiva, segura:

 

Mas, o que sistemicamente isso quer dizer, ela está a perguntar de novo?

E ensina que sistêmico é tudo. Mesmo que eu não notar.

 

Ei, chama ela ai para mim?

Chamo. Posso chamar.

Contudo, se perceber bem, verá que ela já está a te olhar.

 

Ela vê tudo e todos

E sabe que você a está a chamar.

Já atendeu. Já vem.

 

E onde ela está que não vejo?

 

Está a sorrir ao seu lado, faceira,

Esperando sua atenção, seu reconhecimento, sua admiração.

 

E em troca ela dá o quê?

 

Olha! Ela pulou para dentro de você e levou preciosidades!

 

O quê? Vejo agora,

Amor, felicidade e vida saudável e abundante.

 

Chama, chama, chama.

É; ela incendeia.

 

São 52 anos saltitando ao redor de todos e de tudo,

 

E ouvimos sua voz a chamar:

Vem ser feliz, vem. Vem amar!

 

 

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Márcia Regina Valderamos
Márcia Regina Valderamos Seguir

Sou psicoterapeuta sistêmica, discípula de Olinda Guedes, psicóloga de formação, e, c a Mestra Olinda Guedes, fiz e faço Renascimento, Formação em Constelações Sistêmicas, Master, Florais de Bach, massagem reparentalizadora..

Ler conteúdo completo
Indicados para você