[ editar artigo]

A ESCRAVIDÃO NO BRASIL

A ESCRAVIDÃO NO BRASIL

Nós que estudamos as intervenções, as Constelações Sistêmicas, assistimos constantemente aos horrores sofridos pelo povo afrodescendente e sabemos quais são as consequências disso. 

Nossa amada mestra sempre diz:

A verdade vos libertará. Só o conhecimento salva.

É preciso olhar para aqueles que não são considerados. É preciso reviver a sua história. Precisamos honrá-los, dignificá-los. Lhes dizer o quanto sentimos e o quanto lhes somos gratos. 

Na semana que passou deveríamos ter refletido sobre a negritude no Brasil, dia 20/11 é o dia da consciência negra, o que para muitos nem data significativa é. Mas penso, apesar de aparentemente descendente de europeus e indígenas, que deveríamos declarar que essa é uma questão social brasileira e não somente de um grupo isolado.

Somos todos um só e todas as vidas importam, mas o que vimos na semana que passou, novamente retrata o desrespeito, a agressão e o assassinato tendo como motivação a cor da pele, que, mesmo que no caso tenha havido comportamento a ser punido, deveria ter sido feito dentro da lei e não como foi.

Se seguiram declarações nos veículos de comunicação, revelando o despreparo de autoridades que deveriam proteger o povo ou declarações que intencionalmente foram dadas para confundir, manipular e dividir a população brasileira com discursos negacionistas, até mesmo de quem deveria falar em nome desse segmento da população.

Como aprendemos nas Constelações, aconteceu mais uma vez a exclusão que só desequilibra e tira a paz das relações. Por isso, resolvi pesquisar para que possamos começar a entender a importância de se estudar esse tema, pois ficamos vulneráveis e sem argumentos quando não conhecemos os fatos.

Fica fácil para qualquer um, para qualquer ideologia manipular um povo que não têm acesso ao conhecimento. Segue o que consegui até agora. Precisamos lembrar o sofrimento desse povo tão honrado, nos redimirmos do que foi feito a eles e a toda a nossa gente, afinal, se fizermos um exame de DNA nos brasileiros em massa, encontraremos, senão em todos, pelo menos na grande maioria, o sangue negro tão precioso que foi desperdiçado pela ganância, cobiça e crueldade humanas.

Para sabermos se somos ou não racistas, temos que pensar, refletir nesses acontecimentos:

https://brasil500anos.ibge.gov.br/territorio-brasileiro-e-povoamento/negros/regioes-de-origem-dos-escravos-negros.html

https://novaescola.org.br/conteudo/1319/as-origens-dos-negros-do-brasil

https://pt.wikipedia.org/wiki/Escravidão_no_Brasil

http://g1.globo.com/acao/noticia/2010/11/ma-quarto-estado-brasileiro-receber-o-maior-numero-de-escravos.html

https://brasilescola.uol.com.br/historiab/a-resistencia-dos-escravos.htm

https://www.preparaenem.com/historia-do-brasil/fugas-escravos-no-brasil-colonial.htm

Não há racismo no Brasil?

Quais é o nosso vocabulário?

Defensoria pede substituição do termo black friday em respeito aos afrodescendentes.

https://amazonasatual.com.br/defensoria-pede-substituicao-do-termo-black-friday-em-respeito-aos-afrodescendentes/


denegrir

Significado de Denegrir:

  • Verbo transitivo direto e pronominal;
  • Fazer ficar mais negro; tornar escuro; obscurecer, obscurecer-se;
  • [Figurado] Manchar a reputação de; difamar: os boatos denegriram a imagem da empresa; ele se denegriu com o escândalo de corrupção;
  • Reduzir a transparência de; manchar-se: denegrir um tecido;
  • Etimologia (origem da palavra denegrir). De + negr, de negro, + ir.

Feito nas coxas:

http://oxerecife.com.br/2020/06/26/telha-feita-nas-coxas-verdade-ou-mito/

Expressões usadas com origem ligada a escravidão:

https://ceert.org.br/noticias/historia-cultura-arte/13678/9-expressoes-populares-com-origens-ligadas-a-escravidao-e-voce-nem-imaginava

https://www.google.com/amp/s/www.uol.com.br/universa/noticias/redacao/2019/04/21/10-expressoes-racistas-que-deveriamos-tirar-do-nosso-vocabulario.amp.htm

Encontrei artigos que refutam o caráter racista desses termos e até mesmo negam que tenham essas origens como descrito nos artigos que aqui postei, mas a maioria do material que li está de acordo com esse contexto. Creio que devemos refletir e discutir sobre essa questão. Pensar é fundamental para o ser que somos, considerados racionais.

Natureza Humana - Carl Gustav Jung:

Nós precisamos entender melhor a natureza humana, porque o único perigo real que realmente existe é o próprio homem.

 

Beautiful ceramic succulent heart pocket planters are easy to plant. A perfect gift! See step-by-step how to plant these succulent planters! #succulents #succulentdiy #succulentplanters #succulentheart

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Márcia Regina Valderamos
Márcia Regina Valderamos Seguir

Sou psicoterapeuta sistêmica, discípula de Olinda Guedes, psicóloga de formação, e, c a Mestra Olinda Guedes, fiz e faço Renascimento, Formação em Constelações Sistêmicas, Master, Florais de Bach, massagem reparentalizadora..

Ler conteúdo completo
Indicados para você