[ editar artigo]

Aceitação de tudo como é

Aceitação de tudo como é

Eu me submeto à realidade tal como ela se apresenta, já dizia Bert Hellinger.

Nós temos a força para viajarmos no passado e mergulharmos no futuro. Tudo enquanto estamos aqui, no mesmo lugar do presente.

Nossa mente é muito criativa, nos faz imaginar e criar cenários de diversas formas o tempo todo. Dentro de um dialogo conseguimos recriar novas formas de responder e de argumentar dezenas de vezes diferentes. Sempre controlando mais os resultados e se aperfeiçoando em cada uma vez que refazemos o caminho, mas isso somente na imaginação. Fazemos teatro de como deveria ser (expectativa) e nos deparamos com o que realmente é (realidade). Assim, muitas vezes enrijecemos, nos tornamos inflexíveis para o que é e não mudará. Nos tornamos inflexíveis para a realidade. É como se vivêssemos negando a trajetória como ela se apresenta, e assim tiramos a força do que vem daí, e das resoluções.

Tem um exemplo em um livro do Bert que fala do fluxo do rio. Que um jovem começa se incomodar com o curso do rio e vai a nado com muita dificuldade até o meio dele e tenta mudar, controlar o fluxo, abrindo os braços e empurrando a água. Fazendo esforço de todo o jeito, empurra e empurra para ver se a direção muda. 
Agora, o que você acha que aconteceu? Ele conseguiu mudar o fluxo de um rio inteiro só com a força dos braços humanos?

A expectativa era que sim. A realidade é que ficou com muita dor,  frustração, se afogou e por pouco não é levado rio a baixo. O que quer dizer isso? Que muitas vezes nós somos o jovem que quer mudar o fluxo do rio a força, queremos mudar o fluxo da vida sabendo que tem algo mais forte que leva o rio a escorrer para aquele lado, assim como tem algo na vida que faz ela ir para exatamente esse rumo. 

Aceitar a realidade nos dá força, coragem, e entendimento de que tudo é por um propósito. Começar a brigar com a realidade, gera muita dor. Cuidado para não se afogar nesse rio. Porque ele vai para onde o universo indica, não para onde você indica.

Acolha a realidade com bons olhos do coração. Ela muitas vezes aponta o caminho, a cura, e a beleza de viver nesse fluxo.

Faça o exercício de dizer "É assim! Está tudo certo", quando algo lhe desagrada no seu fluxo, você vai ver que a alma se aconchega e da lugar as resoluções.
Aceitando, se tem paz. Deixe o fluxo intenso, grande e belo do rio correr, viu?
Aceitando, você vai perceber que na encosta do rio tem flores, girassóis, amores, clareza e tranquilidade, e ali você é regido pela força maior que te ampara.

Assim, daqui a pouco, você não está apenas deixando deixando o rio correr, você está sendo o rio. Lindo e intenso, e que corre para onde a vida chamar.

Terapeuta Rayanne Jarcem

LEIA MAIS:

https://sabersistemico.com.br/blog/esta-chuva-esta-ruim-esta-sol-esta-ruim
Quer conhecer um pouco mais do trabalho de Rayanne Jarcem?
https://www.facebook.com/terapeutarayannejarcem

A casa é sua!
 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Rayanne Jarcem
Rayanne Jarcem Seguir

Um cadinho de Cláudio e um tantin de Edilma! Uma mistura que cresceu e foi investir no amor a vida. Também pudera, o que eles me deram é muito grande. É o novo, portanto, é poesia.

Ler conteúdo completo
Indicados para você