[ editar artigo]

Constelar requer coragem

Constelar requer coragem

Constelar requer coragem. Diferente do que se prevê, constelação familiar traz à tona reflexos dos sistemas familiares de grande profundidade e pode causar efeitos reversos. Por isso, as pessoas precisam entender mais a respeito da abordagem criada por Bert Hellinger antes de passar pelo processo, principalmente.

No entanto, constelar também traz grande poder de ressignificação. Isso porque o movimento provocado por tal objetivo já cria processos para quebra de paradigmas.

Coragem para enfrentar sistemas familiares

As crianças raramente ou nunca ousam viver uma vida mais feliz ou mais gratificante do que seus pais. Inconscientemente, elas permanecem leais às tradições familiares não ditas que funcionam invisivelmente. Constelações Familiares são uma maneira de descobrir laços e forças familiares que foram carregados inconscientemente por várias gerações.

Bertold Ulsamer

Tal trecho já revela um grande paradigma que requer coragem para quebrar. Coragem para desnudar os preceitos estabelecidos pela história daquele sistema traz também consequências de enfrentamento.

Quando os filhos criam experiências de prosperidade para além das experiências paternalistas, são impelidos a um extremo trauma. Afinal de contas, pelos estudos de Bert Hellinger, pais não preparam filhos para ascensão financeira, infelizmente.

Quando os filhos se surpreendem dentro do processo para mais prosperidade, renegam, por padrão, num processo de autosabotagem. Filhos não querem trair pais. Filhos devem, humildemente, repetir os comportamentos transgeracionais e perpetrar, "respeitosamente", o padrão de comportamento familiar.

Por esta perspectiva, deve-se entender que constelar é mesmo um grande desafio. A abordagem sistêmica demonstra força de compreensão sobre questões sinuosas, divergentes com a coerência e realidade dos indivíduos.

Certamente, dói este enfrentamento. Mas, traz também a oportunidade de ressignificação para até a quebra  de transmissões de doenças somáticas e psíquicas, de acordo com os apontamentos de Bert Hellinger.

Sequelas transgeracionais são reveladas em constelação familiar

Há enormes entendimentos sobre as perspectivas de Bert Hellinger, principalmente, sobre doenças delicadas que afetam o equilíbrio emocional. Assim, construir a ressignificação é fundamental para evitar repetidas dificuldades dos indivíduos em suas respectivas vidas.

Pela constelação familiar em grupo há condições de identificar, através do campo mórfico, como estes sistemas familiares estão propagando amarras cognitivas.

Pistas que revelam suas amarras

Nem sempre há esclarecimentos sobre aquilo que possa lhe prejudicar na vida. Certamente, há necessidade de compreender muito mais do que está além de sua consciência. Neste sentido, sugiro este vídeo em destaque para compreender melhor comportamentos, relativamente, cotidianos.

Mas, sentir-se triste o tempo todo nem sempre é natural

Não se trata de crença, fé ou voto de confiança, mas uma perspectiva científica dada a projeção lógica da existência dos campos mórficos. Leia mais a respeito disso aqui.

Outro aspecto que possa lhe ajudar a identificar comportamentos depressivos são os sinais que você possa perceber em seu próprio comportamento. Claro que também pode ser usado este entendimento para ajudar outros.

O fato que quero destacar neste texto, portanto, é a compreensão de que a coragem tem seu desafio por si só. Constelar requer coragem. Por isso, trata-se na essência deste movimento um grande ato de poder incrível para a ressignificação.

Ressignificar não é deslealdade

Perceba que ressignificar sobre os pais nada tem a ver com a falta de lealdade. Obviamente, os filhos precisam entender seu papel ante o sistema familiar. Neste aspecto, só a ressignificação pode tornar esse processo saudável.

Ressignificar a vida também traz ajustes sobre todo o sistema, inclusive, àqueles que não estão no foco. Constelar leva a consequências que o sistema não enxerga, mas sente. Trata-se, portanto, de uma corrente positiva, uma corrente do bem que atinge aos mais próximos, sem a necessidade de ter sensibilidade mais latente.

Ressignificar se trata, exatamente, disso, ou seja, você construir uma realidade a partir de ajustes relativos à constelação familiar. No entanto, nada faz sentido se não tiver esclarecimentos, inclusive, sobre a metodologia. Por isso, tenha cuidado ao se entregar perante um "falso profeta". Afinal de contas, hoje em dia, constelações sistêmicas parece solução para tudo. Mas, não é bem assim.

Fica aqui a provocação para futuros artigos aqui na comunidade do Saber Sistêmico. Espero ter contribuído com o tema e aguardo comentários sobre sua opinião.

Agradeço demais a sua leitura e espero, inclusive, sugestões sobre expectativas. Fica aqui minha gratidão eterna .

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Isabela Falcon
Isabela Falcon Seguir

Psicopedagoga, professora experiência, facilitadora e criadora de treinamentos corporativos, consteladora familiar, terapeuta sistêmica, mulher que dedica a vida a ajudar pessoas que ressignificar suas perspectivas e compreender seu propósito.

Ler conteúdo completo
Indicados para você