[ editar artigo]

Esbanjando Gratidão

Esbanjando Gratidão

 

Comecei a praticar gratidão quando minha esposa me disse que estava grávida do nosso filho mais velho, o João, e nunca mais parei. Os efeitos desse ritual tão simples foram tão marcantes na minha vida que decidi testar outras maneiras não só de praticar gratidão, mas também de disseminá-la. Veja a seguir cinco maneiras criativas de cultivar gratidão dentro de sua casa e de construir um ambiente mais positivo e feliz.

VASO DA GRATIDÃO

Se manter um diário não faz muito seu estilo, que tal registrar seus cinco agradecimentos em um post -it colorido e lançá-lo em um vaso transparente?
Comprei o vaso aqui de casa quando o espaço no meu primeiro diário acabou. Em pouco tempo toda minha família passou a utilizá-lo, e até alguns amigos que nos visitam mais vezes. O mais interessante é que ele funciona como um lembrete visual sobre os infinitos motivos que temos para ser grato. Quando olhamos pra ele chega até a dar preguiça de reclamar de trivialidades da vida.

AGRADECIMENTO A MESA

Queria que todos em casa colhessem os resultados da prática da gratidão. Um dia sugeri que nos déssemos as mãos para agradecer antes das refeições. No começo foi meio estranho, mas rapidinho isso se tornou um hábito muito interessante. Se eu esqueço de iniciar o ritual, alguém em casa logo me lembra, e cada dia um de nós agradece.

O QUE FOI LEGAL HOJE?

Meu filho tem pouco mais de 2 anos e fala pelos cotovelos. Ele já adorava nossos agradecimentos à mesa, quando comecei um ritual ainda mais simples. Toda noite, antes de colocá-lo para dormir, eu ou minha esposa perguntamos a ele: “filho, o que foi mais legal no seu dia hoje?”

Ficamos observando enquanto ele move o olhar para buscar as lembranças do dia e nos conta o que foi legal. Na maioria das vezes são várias coisas, e não uma só. Acredito que esse pequeno exercício está criando no meu filho o hábito de sempre buscar se lembrar daquilo que deu certo, que foi bom, e agradecer.

O QUE FOI MELHOR NO SEU DIA?

Há alguns anos minha esposa e eu decidimos que celular não entraria mais no nosso quarto. Não fazia sentido dormir lado a lado, mas cada um com seu email, WhatsApp ou blog como companheiro. Começamos então a perguntar um ao outro: “o que foi melhor no seu dia hoje?” Responder essa simples pergunta um ao outro nos força explorar nossa memória por coisas boas, mesmo nos dias mais difíceis, aliviando nossa tensão antes do descanso e melhorando nossa conexão um com o outro.

CARTA DE AGRADECIMENTO

Martin Seligman testou esse modelo com centenas de estudantes na Universidade da Pensilvânia, tendo inclusive afirmado que escrever uma carta de agradecimento é uma das intervenções mais simples e ao mesmo tempo poderosa para incremento das emoções positivas. Pense em alguém que foi importante na sua vida e que você nunca teve a chance de agradecer propriamente. Escreva uma carta (ou email) a essa pessoa dizendo a ela como se sente e agradecendo por como ela impactou sua vida. Se puder mande a carta para a pessoa ou, melhor ainda, leia pra ela. Além do bem que você certamente vai fazer na vida da pessoa, os efeitos positivos na sua vida vão ficar com você por dias, as vezes até meses. Tudo tão simples que até pode parecer que não funciona ou que é bobagem. Meu desafio então é o seguinte: tente, arrisque fazer diferente. Se não funcionar, você não tem nada a perder. Se funcionar como funcionou pra mim, pra minha família e pra milhares de outras pessoas, pode ser a primeira etapa para a transformação da sua vida.

 

Autor: Henrique Bueno

Fonte: E-book: O que é Felicidade? Uma breve introdução a Psicologia Positiva

 

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Henrique Bueno
Henrique Bueno Seguir

Inspirar as pessoas a (re)descobrirem e, acima de tudo, viverem seus sonhos. Esta é a missão que Henrique Bueno tomou para si quando decidiu tornar-se coach e palestrante.

Ler conteúdo completo
Indicados para você