[ editar artigo]

FICHAMENTO DO LIVRO "ALÉM DO APARENTE" DE OLINDA GUEDES

FICHAMENTO DO LIVRO

DADOS DA LEITORA

NOME COMPLETO: Márcia Regina Valderamos

CURSOS: FORMAÇÃO REAL EM CONSTELAÇÕES SISTÊMICAS E RENASCIMENTO SISTÊMICO PELA RESPIRAÇÃO

DADOS DO EXEMPLAR LIDO

TÍTULO: ALÉM DO APARENTE – Um Livro Sobre Constelações Familiares

AUTORA: OLINDA GUEDES

EDIÇÃO: 1ª Edição

LOCAL DE PUBLICAÇÃO: Curitiba/PR

EDITORA: Editora e Livraria Appris Ltda.

ANO: 2015


MENSAGEM GLOBAL QUE A AUTORA ME DEIXOU:

Ver além do explicito. Observar detalhes. Levar em consideração o todo. Sempre há o contrário, o oposto, o implícito, o inconsciente.

Todas as Leis do Amor estão sempre presentes e exigem obediência. A vida nos encaminha para repararmos algo que tenhamos violado.

Tudo e todos têm que ser incluídos.

 A cura completa só vêm depois do reconhecimento, da reverência, do concordar e do reparar o que for necessário para o equilíbrio e a ordem do sistema.

A PARTIR DESSA LEITURA, OBTIVE ESSAS 10 DICAS PARA CRIAR EXCELÊNCIA EM MINHA VIDA:

- Observar sempre o que e quem está excluído e incluir;

- O que faço tem que ser feito com dedicação e amor consciente;

- Estudar, conhecer para aprofundar em mim mesma e poder melhorar na minha dedicação para com os próximos nas minhas relações;

- Honrar e agradecer meus pais e antepassados, concordando e aceitando como foram, sem julgamentos, agradecendo sempre por terem permitido a vida chegar até mim;

- Todos os dias dizer “SIM” para meus pais internamente, agradecê-los e pedir suas bençãos para que eu possa estar mais fortalecida para seguir meu caminho;

- Só posso dar o que tenho, devo pedir quando preciso e receber com gratidão, sempre mantendo o equilíbrio nas trocas;

- Lembrar sempre que “o essencial é servir e tudo o mais deve dar suporte a isso. Só têm sucesso quem serve. Quem não serve e só trabalha não têm êxito”. pág. 123; “Cumpre seu propósito aquele que está a serviço da vida”. Pág. 122;

- Logo depois dos meus pais, devo ter meu trabalho em elevada honra;

- Escutar mais e sempre respeitar a voz do meu coração; buscar a paz profunda;

- Estar atenta à quem é vítima, mas sem desconsiderar o perpetrador, tanto em mim quanto nos outros.

CONSIDERANDO A MINHA REALIDADE DO DIA A DIA, PUDE APLICAR O SEGUINTE, ASSIM QUE TERMINEI ESSA LEITURA:

Controlo mais o meu impulso de ajudar. Fico atenta se houve pedido por parte de quem eu acho que precisa e, caso peça, verifico se tenho condições de ajudar. Não me sobrecarrego mais para agradar o próximo. Isso também evitar frustrações de minha parte, porque não fico esperando retribuição. Busco fortalecer aquele por quem sinto compaixão e incentivá-lo. “Ajuda significa um profundo interesse na felicidade do outro”. (Capitulo XXI – pág. 179).

Fico mais atenta também ao sentimento que tendo sempre a ter: dó, pena. Aprendi que não é respeitoso com outros seres humanos. Parece que estou diminuindo sua capacidade, desacreditando em seu valor, sua força. Todos têm condições de saírem do papel de vítima, “da condição mediana para a condição extraordinária, do medíocre para o sábio”. (Capitulo XIX – pág. 157). Devo respeitar e não lhes tirar a dignidade. “Não existem vítimas, existem pessoas privilegiadas. Indivíduos que são chamados ao mais, que são chamados ao exercício de um bem um pouco maior”. (No mesmo capitulo e página).

TRANSFORMAÇÕES EM MIM COM A LEITURA DESSE LIVRO:

Fiquei mais em paz com meus sintomas e procuro “ouvir” o que eles têm a dizer, bem como dou mais atenção ao meu corpo e seus sinais. Busco respeitar, agradecer e não lamuriar, reclamar pelo que sinto, por estar tendo algum desconforto, algum problema. Estou mais calma e em paz comigo mesma e com quem convive comigo.

Compreendo agora as reações de meus pais e hoje não os julgo mais, nem ao meu irmão também. Aliás, não tenho julgado nem a mim mesma tanto quanto julgava anteriormente. Afinal, estamos a serviço de algo sempre muito maior e mais forte que a gente.

MUDANÇAS QUE ME COMPROMETO EM TORNAR REAL NA MINHA VIDA A PARTIR DESSA LEITURA:

Preciso melhorar minha qualidade de vida, cuidar da minha alimentação, do sono e fazer mais exercícios físicos, cuidar do espiritual em mim, enfim, melhorar o meu estilo de vida. A amada Mestra Olinda Guedes sempre diz: Constelar é completar; Devemos fazer das Constelações Sistêmicas nosso estilo de vida, no nosso dia a dia”; pretendo passar esse precioso aprendizado para quem eu encontrar e estiver aberto para isso, então preciso eu mesma estar vivenciando tudo e usufruindo dessa ferramenta maravilhosa que é a Constelação Sistêmica.

Procurar ter mais paciência e tolerância comigo mesma e com todos ao meu redor e não me esquecer de que estamos todos a serviço de algo maior.

Lembrar sempre de observar se estou no meu lugar, onde realmente eu  devo estar, que sou pequena em vários momentos e devo honrar e obedecer.

Estar a serviço da minha própria felicidade e dos demais.

SE PUDESSE ENCONTRAR COM OLINDA GUEDES, EU LHE DIRIA:

MESTRA AMADA: GRATIDÃO POR TANTO AMOR AO ENSINAR! GRATIDÃO POR TANTO EMPENHO E TANTA DEDICAÇÃO! PARABÉNS PELA MANEIRA CLARA, SÁBIA E OBJETIVA NA SUA DIDÁTICA. O SEU MODO DE ESCREVER E ENSINAR ME FAZ COMPREENDER MELHOR A TEORIA DE BERT HELLINGER E ME INCENTIVA A ESTUDAR MAIS E COM PRAZER. GRATIDÃO!

TRES PESSOAS PARA AS QUAIS EU SUGERIRIA ESSA LEITURA:

- Minha prima Carla, por ter o mesmo sistema que o meu e parecer sofrer os efeitos do amor cego, da lealdade que adoece, como eu;

- As minhas amigas Petrúcia e Teresa, para que possam entender melhor o método das Constelações Familiares e as intenções do seu criador e também pela oportunidade de cura e evolução que esse conhecimento traz.

 

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Márcia Regina Valderamos
Márcia Regina Valderamos Seguir

Sou psicoterapeuta sistêmica, discípula de Olinda Guedes, psicóloga de formação, e, c a Mestra Olinda Guedes, fiz e faço Renascimento, Formação em Constelações Sistêmicas, Master, Florais de Bach, massagem reparentalizadora..

Ler conteúdo completo
Indicados para você