[ editar artigo]

Scripts ocultos - A Cinderela

Scripts ocultos - A Cinderela

Pessoas que vivenciam um contexto familiar parecido recebem algumas mensagens negativas de proibições, e as de Cinderela podem ser:

“Não exista.”

“Você não é importante.”

“Você não é querida.”

“Sinta-se inadequada.”

“Seja um fracasso"

"Não tenha sucesso.”

“Trabalhe duro"

"Não desfrute.”

“Primeiro os demais, depois você.”

E por muito tempo se esconder entre as cinzas.

É assim que os Scripts e roteiros ocultos, vão atuando em nossa vidas, e vão gerando abandono, solidão. E sentimentos de que a vida não é um lugar bom para estar, isso explica os índices de mortalidade, através do suicídio, em jovens adolescentes. 

Voltando a história, podemos observar que a Cinderela está no Estado de Ego Criança Submissa, uma criança interna que implora por reconhecimento, e para tanto obedece a todas as ordens e caprichos de sua madrasta e irmãs.

Querido leitor(a), agora traga em sua memória mais recente, alguns episódios de fatos de sua vida. Consegue ter a percepção de que se assemelham com a história de Cinderela? Comente abaixo nos comentários.

Você irá perceber que essas imagens internas fortalecem ainda mais o Compulsor.

“Seja Agradável” para receber Carícias, mesmo que negativas, pois até mesmo suas boas características são desqualificadas pela madrasta.

Você já encontrou alguma madrasta em sua vida? Elas estão disfarçadas, em chefes, exploradoras, irmãs e amigas abusivas, sogras que não tem respeito pelas noras e assim por diante.

Você e a Cinderela será sempre a boa moça injustiçada, que agrada a todos, colocando seus desejos em último lugar?

NÃO. Agora não mais.

De um grito de liberdade de você está lendo e se identificando com esse roteiro, com esse script oculto de em sua vida. 

A Cinderela na verdade tem desejos, vontades, expectativas por trás de toda essa passividade. Ela só está com um tema para constelar. 

Está emaranhada, ela sente dificuldades em ser reconhecida como mulher, quer ser amada, quer seduzir.

O encantamento é capaz de fazer Cinderela renascer das cinzas e demonstrar a vontade de se colocar entre as mulheres desejáveis, ela percebe que está na hora de ser olhada por um homem.

Para tanto utiliza principalmente o mistério, o segredo que desperta a curiosidade.

Uma mulher forte, capaz e que na intimidade se dispõe a brincar, ser misteriosa, em seus encontros amorosos, deixando uma pista para seduzir.

Observe que sistemicamente o sofrimento da Gata Borralheira, que tem tudo haver com trabalhar duro e não poder usufruir de nada, sem direito a prazer, como muitas mães, atualmente.

Também tem a mãe de Cinderela, que não teve permissão para viver ao lado de seu amor, e cedeu lugar à outra mulher.

E essa nova mulher super arrogante, não honra a primeira mulher do marido, mudando toda rotina da casa, violando a lei da ordem lugar hierarquia.

A Gata Borralheira, escravizada e sem identidade, passa depois a saber quem é e qual o seu lugar.

Acredito que a ideia deste conto, é incluir quem foi excluído, que no caso é a mãe da Cinderela, para solucionar histórias de mulheres que estão em crise no casamento, mas não conseguem honrar a mulher anterior do marido.

No desenvolvimento do script oculto no conto, se trata do destino da mãe de Cinderela, que morreu e deu lugar à mulher seguinte... Identificamos sentimentos de temor, vergonha, angústia, rejeição, auto-afirmação, e às vezes, saudades muito fortes.

Mas a alma não acompanha o caminho da nossa vontade, ela honra o parceiro abandonado, exigindo que os filhos representem o antigo parceiro dos pais, e, frequentemente, igualando o seu destino ao dos parceiros abandonados repetindo histórias em que o parceiro não permanece na relação.

Por vezes existem nos sistemas histórias muito parecidas com as dos contos de fadas. Existem sistemas familiares, que carregam destinos desafiadores e emaranhados tão complexos, que por mais que a mulher ame muito um homem ou um homem ame muito uma mulher, os dois não conseguem permanecer na relação de casal. 

Olhando mais profundamente em outra situação muitas vezes identificada por mulheres que abdicam da alegria de viver, ficando em casa cuidando dos afazeres domésticos, enquanto os demais saem para se divertir.

Cinderela se sentiu muito abandonada, solitária e inadequada quando as suas meio-irmãs foram para o baile.

Algumas mulheres que têm este conto nítido em suas vidas, também sonham em dançar em grandes festas, encontrar um grande amor na roupagem de um príncipe, e vivem a realidade de uma Gata Borralheira.

 

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Débora Carvalho
Débora Carvalho Seguir

Abrace a sua vulnerabilidade e faça dela a sua maior força. É bonito demais sentir.

Ler conteúdo completo
Indicados para você