[ editar artigo]

Servir

Servir

Meu coração transborda de amor. 

Descobri que a casa cheia é sinônimo de vida e saúde mental, e que talvez eu seja muito especial para Deus mesmo, para receber tanto.

Fico pensando, é impossível não se transformar, não se converter, diante de tanta pureza, inocência, e leveza.

Com os filhos, entendemos o porque a vida nos exige o máximo. 

Porque certamente ela nos dá o máximo também. 

O máximo de coragem, força, e valentia.

Se por alguma razão não nos tornamos pais e mães precisamos adotar um projeto, adotar crianças, sinto que precisamos nos doar, seja numa causa, ou um projeto, uma ONG, ou um causa maior.

Tenho percebido clientes com queixas ínfimas da vida, reclamam que estão solitários, mas quando pergunto se tem animal de estimação, a pessoa diz que não. 

Percebo que ficamos eternos filhos carentes, pedintes de atenção e nutrição de nossos pais uma vida toda.

A vida quer seguir adiante. 

Esquece a ideia de que cuidei de meus filhos e agora eles vão cuidar de mim.

Essa não é a ordem. 

Claro que podemos cuidar de nossos pais como filhos. 

Você não pode e nem deve fazer se fazer essa cobrança insana. 

Os filhos devem ir para vida! 

Devem seguir em frente. 

Compreender que nós pais, fomos apenas o portal para que eles pudessem nascer e realizar seu propósito divino aqui na terra, e ter que abrir de muitas questões do ego. 

E os pais adotivos, sabem que possuem um destino especial. Porque esses encontros feitos pela adoção é divino, é sagrado.

Em um nível mais profundo sabemos que se o pintor, o artista realizar uma obra de arte, e ficar apegada nela, ele compromete toda a arte. 

Os filhos são a nossa declaração de amor pelos pais, pelo nosso sistema familiar. 

Aceitar essa conversão, se tornar um ser humano mais evoluído, mais empático, é a tarefa de todos que dizem sim, a esse novo nível de consciência. 

Sinto que meu maior salto, meu maior sucesso, foi quando me tornei mãe. 

É um salto cada dia.

Sou agraciada com tantas bençãos fluindo a serviço da vida.

 

Débora Carvalho

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Débora Carvalho
Débora Carvalho Seguir

Abrace a sua vulnerabilidade e faça dela a sua maior força. É bonito demais sentir.

Ler conteúdo completo
Indicados para você