[ editar artigo]

Depressão

Depressão

Os pacientes depressivos na visão de Bert Hellinger não ficam doentes porque reprimem a raiva, mas porque reprimem a ação que levaria a solução.

Só o fato de expressar raiva não liberta ninguém. 

A pessoa deprimida é aquela que não tomou um dos pais.

Muitos se castigam por não tomarem os pais como são, simplesmente fracassando em suas profissões, perdendo seus parceiros ou muito dinheiro. A depressão pode ser o vazio dos pais. 

A base do desenvolvimento saudável é reverenciar os pais, respeitar aquilo que eles significam e tocar a vida para sempre.

Não importa como são os pais. 

Aquele que ousa desprezar os pais irá repetir em sua própria vida o que ele despreza. Pois é exatamente através do desprezo que ele se torna igual aos pais. 

Quanto mais uma pessoa rejeita os pais, mais irá imitá-los. 

Essa rejeição também acabará refletindo em outras áreas da vida do filho. 

Fazer exigências é uma forma particular de rejeitar os pais. 

Quando um filho quer impor aos pais a maneira como eles dever ser e agir com os filhos, impedem a si mesmo de tomar da vida o que é essencial. 

Olhar para os pais e dizer: Eu sou o filho certo para você e vocês são os pais certos para mim e eu os liberto de toda a expectativa pode ser um grande caminho para a cura.

LEIA TAMBÉM: https://sabersistemico.com.br/blog/depressao-tem-cura

Trechos retirados do livro O reconhecimento das ordens do amor de Bert Hellinger

#depressao
#recomeco
#libertacao

Débora Carvalho

Pedagoga, Psicopedagoga, Terapeuta, Mestre em Reiki, ThetaHealing, Consteladora Familiar.

Saber Sistêmico - Comunidade da Constelação Familiar Sistêmica
Débora Carvalho
Débora Carvalho Seguir

Abrace a sua vulnerabilidade e faça dela a sua maior força. É bonito demais sentir.

Ler conteúdo completo
Indicados para você